Avatar do usuário
Por GabEndo
Quantidade de postagens
#92186
A Constituição Federal Brasileira, promulgada em 1988, garante diversos direitos sociais aos nativos. No entanto, quando se trata da alta produção de lixo eletrônico no Brasil, é possível perceber que essas garantias não se consumam na realidade, configurando um grave problema social, uma vez que o Estado falha em políticas para solucionar a produção excessiva de E-lixo e a sociedade ainda banaliza esse assunto.
Primeiramente, é importante salientar que a ausência de medidas governamentais impede que a alta produção de lixo eletrônico seja resolvida no Brasil. Sobre isso, Abraham Lincoln, célebre personalidade brasileira, disse, em um de seus discursos, que a política é serva do povo e não o contrário. Em relação a tal afirmação, nota-se uma incongruência sobre o descarte exagerado de eletrônicos e a atuação do Estado, uma vez que, ao contrário do que Lincoln explanou, a política atual não serve o povo com ações que conscientizem a populção brasileira sobre os perigos ambientais que o lixo eletrônico pode causar e, em razão disso, o consumo de aparelhos digitais tende a aumentar no país, acarretando em altos descartes e alta produção de E-lixo. Desse modo, de forma infeliz, fica evidente que o povo é mero escravo dos desmandos estatais.
Ademais, a sociedade ainda é inconsciente em relação ao excesso de E-lixo e, por isso, esse tema é banalizado. Nesse viés, Marina Colassanti, traz a discussão, em sua crônica ''Eu sei, mas não devia'', o fato de que a sociedade moderna banaliza seus problemas e normaliza a dor, a tristeza, a falta de dinheiro, de oportunidades e de expectativa. Desse modo, Marina mostra que muitos problemas sociais graves, como a alta quantidade de lixo eletrônico, não têm solução no Brasil, graças a atitude coletiva em tornar as questões triviais, sejam elas importantes ou não. Assim, sem a sociedade assumir responsabilidade por suas ações, as vítimas desse problema são lesadas, seja por ignorare os problemas ambientais que o E-lixo produz, fazendo com que a qualidade de vida das pessoas diminua, seja por não pensar nas gerações futuras ao desperdiçar material. Logo, urge que algumas medidas sejam tomadas para minorar a questão
Portanto, a população, por meio de um projeto social online, deve criar uma campanha de incentivo, visando minimizar o descarte exagerado de eletrônicos, e que trabalhe paralelamente com ações governamentais. Essa campanha deve ter repercussão nacional e representantes em todo país, para que se possa cobrar do Estado maiores ações para a sociedade, esperando que as pessoas se tornem mais conscientes. Feito isso, mesmo que o assunto ainda seja banalizado no país, o problema será minorado e a sociedade poderá usufruir de tais avanços, como os garantidos pela Constituição Federal.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

Avatar do usuário
Por Katsmoking
Quantidade de postagens Amigos
#92209
Bom dia! Aqui vai a minha análise completa:
ERRO
OBSERVAÇÃO
COMENTÁRIO

TEMA: OS RISCOS E AS CONSEQUÊNCIAS DA ALTA PRODUÇÃO DO LIXO ELETRÔNICO NA SOCIEDADE BRASILEIRA

Introdução: A Constituição Federal Brasileira, promulgada em 1988, garante diversos direitos sociais aos nativos. No entanto, quando se trata da alta produção de lixo eletrônico no Brasil, é possível perceber que essas garantias não se consumam na realidade, configurando um grave problema social, uma vez que o Estado falha em políticas para solucionar a produção excessiva de E-lixo(é um termo que não existe na prática, precisaria de explicação) e a sociedade ainda banaliza esse assunto.
- Precisa de uma ponte entre a referência e a argumentação, a questão do tratamento do lixo ser um direito social deveria ser mais debatida.
- Problemas com vírgulas.
- Faltou uma conclusão.


Desenvolvimento 1: Primeiramente, é importante salientar que a ausência de medidas governamentais impede que a alta produção de lixo eletrônico seja resolvida no Brasil. Sobre isso, Abraham Lincoln, célebre personalidade brasileira, disse, em um de seus discursos, que a política é serva do povo e não o contrário(explicar melhor). Em relação a tal afirmação, nota-se uma incongruência sobre o descarte exagerado de eletrônicos e a atuação do Estado, uma vez que, ao contrário do que Lincoln explanou, a política atual não serve o povo com ações que conscientizem a populção brasileira sobre os perigos ambientais que o lixo eletrônico pode causar e, em razão disso, o consumo de aparelhos digitais tende a aumentar no país, acarretando em altos descartes e alta produção de E-lixo. Desse modo, de forma infeliz, fica evidente que o povo é mero escravo dos desmandos estatais.
- Problemas com vírgulas.
- A ponte ainda está fraca, existe um espaço vago na sua redação que é essa específica explicação necessária para que junte as "políticas públicas" com "lixo eletrônico".
- Abraham Lincoln não é brasileiro, logo, tome cuidado se for se referir à políticas feitas por ele.


Desenvolvimento 2: Ademais, a sociedade ainda é inconsciente em relação ao excesso de E-lixo e, por isso, esse tema é banalizado. Nesse viés, Marina Colassanti,(quem é ela?) traz a discussão, em sua crônica ''Eu sei, mas não devia'', o fato de que a sociedade moderna banaliza seus problemas e normaliza a dor, a tristeza, a falta de dinheiro, de oportunidades e de expectativa. Desse modo, Marina mostra que muitos problemas sociais graves, como a alta quantidade de lixo eletrônico, não têm solução no Brasil, graças a atitude coletiva em tornar as questões triviais, sejam elas importantes ou não. Assim, sem a sociedade assumir responsabilidade por suas ações, as vítimas desse problema são lesadas, seja por ignorare os problemas ambientais que o E-lixo produz, fazendo com que a qualidade de vida das pessoas diminua, seja por não pensar nas gerações futuras ao desperdiçar material. Logo, urge que algumas medidas sejam tomadas para minorar a questão.
- Problemas com vírgula e concordância.
- A ponte aqui está melhor, porém, se Marina não se refere diretamente ao lixo eletrônico na sua crônica, você deveria deixar isso claro para o leitor, por exemplo: "..a sociedade moderna banaliza problemas cotidianos, dentre eles, pode-se aferir como o impacto que o lixo eletrônico, que afeta a vida do população, é ignorado ou despercebido propositalmente pelas pessoas, assim como referido pela autora.." algo do tipo que deixe claro que apesar dela não ter dito sobre o lixo, leva ao raciocínio desejado, assim como com o Abraham Lincoln anteriormente.


Conclusão: Portanto, a população(AGENTE), por meio(MEIO) de um projeto social online, deve criar(ACAO) uma campanha de incentivo, visando minimizar o descarte exagerado de eletrônicos(EFEITO), e que trabalhe paralelamente com ações governamentais. Essa campanha deve ter repercussão nacional e representantes em todo país, para que se possa cobrar do Estado maiores ações para a sociedade, esperando que as pessoas se tornem mais conscientes. Feito isso, mesmo que o assunto ainda seja banalizado no país, o problema será minorado e a sociedade poderá usufruir de tais avanços, como os garantidos pela Constituição Federal.(DETALHAMENTO)
- Não retomou as teses de forma efetiva.
- O agente ficou vago, como a população do nada vai formar um site online?
- Problemas com vírgulas.


REVISÃO GERAL: Parabéns pelo texto! Algumas coisa que anotei:
- Cuidado com vírgulas e concordância.
- Não tenha medo de explicar mais alguns pedaços, mesmo que acabe se estendendo.
- Cuidado com redações prontas! Algumas ideias por mais que sejam decentes, não fazem sentido com o desejado em outro momento, fique alerto.
- Bons estudos!!

As ideias que revolucionam o mundo avançam a passo miúdo.
- Hegel
2
Avatar do usuário
Por GabEndo
Quantidade de postagens
#92290
Olá! Muito obrigado pela correção da minha redação! Fiquei muito contente com as análises feitas e levarei tudo em consideração. Houve algumas observações que me deixaram com algumas dúvidas e eu gostaria de tirá-las com você!

A primeira seria em questão ao termo ''E-lixo'' que você colocou como um termo que, na prática, não existe. Eu utilizei desse termo apenas porque nos próprios textos motivadores foi utilizado desta palavra. Seria errado mesmo assim utilizá-lo, já que o texto motivacional usou dele?

Além disso, na questão do tratamento do lixo ser um direito social me trouxe outra dúvida. No caso, na Constituição Federal é dito que um dos direitos inerentes do povo é a saúde e, nos textos motivadores, foi apontado constantemente que o descarte incorreto de lixo eletrônico afeta a saúde pública devido aos metais pesados utilizados. Então, não seria o tratamento do lixo eletrônico o direito social apontado, mas sim, a saúde. Eu deveria ter especificado mais isso?

Sobre Abraham Lincoln, a questão dele dizer que a política (como um geral) é serva do povo, não seria algo universal? A minha dúvida aqui está no ponto de que, embora ele não seja brasileiro, seu discurso sobre a política estava se referindo à democracia e não aos Estados Unidos. Logo, achei que seria produtivo usar o argumento dele para discutir sobre falhas nas ações governamentais.

Por fim, eu gostaria de saber mais sobre o meu erro ao utilizar o argumento de Marina Colassanti. Entendi que eu deveria explicar quem ela é, porém, a minha dúvida está no ponto em que eu não teria deixado claro a ligação de sua crônica ao tema da redação. No caso, quando eu digo que a sociedade banaliza os seus problemas (sendo o descarte excessivo de lixo eletrônico um deles) e que a dor, a tristeza e a falta de dinheiro pelo consumo e descarte exacerbado deles é normalizado pelo povo, eu já não estaria fazendo essa ligação da crônica de Colassanti com o tema da redação?

Agradeço novamente pela sua correção e explicações! Irei me atentar mais aos erros ortográficos, pontuações e concordâncias para deixar o meu texto mais estruturado! Aguardo pela sua resposta!
0
Avatar do usuário
Por GabEndo
Quantidade de postagens
#92291
@Katsmoking, Olá! Muito obrigado pela correção da minha redação! Fiquei muito contente com as análises feitas e levarei tudo em consideração. Houve algumas observações que me deixaram com algumas dúvidas e eu gostaria de tirá-las com você!

A primeira seria em questão ao termo ''E-lixo'' que você colocou como um termo que, na prática, não existe. Eu utilizei desse termo apenas porque nos próprios textos motivadores foi utilizado desta palavra. Seria errado mesmo assim utilizá-lo, já que o texto motivacional usou dele?

Além disso, na questão do tratamento do lixo ser um direito social me trouxe outra dúvida. No caso, na Constituição Federal é dito que um dos direitos inerentes do povo é a saúde e, nos textos motivadores, foi apontado constantemente que o descarte incorreto de lixo eletrônico afeta a saúde pública devido aos metais pesados utilizados. Então, não seria o tratamento do lixo eletrônico o direito social apontado, mas sim, a saúde. Eu deveria ter especificado mais isso?

Sobre Abraham Lincoln, a questão dele dizer que a política (como um geral) é serva do povo, não seria algo universal? A minha dúvida aqui está no ponto de que, embora ele não seja brasileiro, seu discurso sobre a política estava se referindo à democracia e não aos Estados Unidos. Logo, achei que seria produtivo usar o argumento dele para discutir sobre falhas nas ações governamentais.

Por fim, eu gostaria de saber mais sobre o meu erro ao utilizar o argumento de Marina Colassanti. Entendi que eu deveria explicar quem ela é, porém, a minha dúvida está no ponto em que eu não teria deixado claro a ligação de sua crônica ao tema da redação. No caso, quando eu digo que a sociedade banaliza os seus problemas (sendo o descarte excessivo de lixo eletrônico um deles) e que a dor, a tristeza e a falta de dinheiro pelo consumo e descarte exacerbado deles é normalizado pelo povo, eu já não estaria fazendo essa ligação da crônica de Colassanti com o tema da redação?

Agradeço novamente pela sua correção e explicações! Irei me atentar mais aos erros ortográficos, pontuações e concordâncias para deixar o meu texto mais estruturado! Aguardo pela sua resposta!
0
Avatar do usuário
Por GabEndo
Quantidade de postagens
#92294
@GabEndo, Sobre Abraham Lincoln, agora eu entendi hahaha! Acabei falando que ele é brasileiro no desenvolvimento :lol: eu ia escrever americano, mas acabei colocando brasileiro... Péssimo hahaha!
Obrigado :D
0
Avatar do usuário
Por Katsmoking
Quantidade de postagens Amigos
#92305
@GabEndo Boa noite!! Gostei muito que fui útil, é difícil os usuários se interessarem pelas correções!! :D Vamos lá:

Sobre o 1º e 2º problema: Tome cuidado, os textos motivadores talvez foram escritos em outra modalidade que não seja dissertativa argumentativa, e por conta disso podem não apresentar embasamento necessário para comprovar certas coisas, por exemplo, em uma carta ou charge pode-se muito bem utilizar o termo E-lixo ou que o tratamento de lixo é um direito social sem a necessidade de ficar explicando o que são ou por que, NESSAS MODALIDADES E EM OUTRAS, não tem problema. Caso sejam dissertativos argumentativos, ainda sim, você precisaria explicar, pense comigo, o leitor da sua redação assim como eu ou o corretor da banca não leu os textos motivadores, logo, não possuímos o conhecimento íntegro necessário para compreender tudo aquilo que foi escrito!


Sobre o Abraham:
Estaria tudo bem se essa sua ideia fosse bem explicada, criando artefatos argumentativos que sustentassem essa ideia que política referida é universal e não americana. Além disso, ficou muito vaga essa ponte, mesmo que seja universal como isso afeta o lixo no Brasil? É um erro argumentativo extremamente comum completar todo o sentido da argumentação puramente com a referência.

Sobre Marina: Esse problema volta a cair no ocorrido com o Abraham, teoricamente está tudo ali para o leitor entender oque você quis dizer, porém, não apresenta sentido completo. Sendo mais específico vamos lá:
a sociedade moderna banaliza seus problemas e normaliza a dor, a tristeza, a falta de dinheiro, de oportunidades e de expectativa. Desse modo, Marina mostra que muitos problemas sociais graves, como a alta quantidade de lixo eletrônico, não têm solução no Brasil,
- Eu te faço as seguintes perguntas:
Marina na crônica se refere diretamente ao lixo?
Se sim - Perfeito, é só você falar que ela afirma que o lixo é um desses fatores.
Se não - Crie uma ponte que expresse a ideia que apesar dela não falar do lixo, esse por motivos x se encaixa no que ela quis dizer, não precisa ser nada absurdo e por partes foi feita, só senti falta de uma ponte mais compreensível.
Caso já tenha sido comprovado que o lixo é um problema da sociedade, ainda sim, entra no que Marina quis se referir?(eu entendo que o corretor não se importa com mentiras, não é isso que quero que pense, só preciso que fique mais convincente)

Bons estudos!! Eu penso que essa redação no ENEM varie entre 680 - 840

As ideias que revolucionam o mundo avançam a passo miúdo.
- Hegel
1
Avatar do usuário
Por GabEndo
Quantidade de postagens
#92331
@Katsmoking, muito obrigado!! Agora tudo ficou muito claro!! Vou me esforçar mais nas próximas :D
1
Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
1 Respostas 
280 Exibições
por Suelen17
0 Respostas 
1309 Exibições
por Helena123
0 Respostas 
189 Exibições
por Agenetos
4 Respostas 
74 Exibições
por Tuly14
3 Respostas 
86 Exibições
por ManoelSan
0 Respostas 
22 Exibições
por AnaBeatrizz
1 Respostas 
20 Exibições
por Vfarias
0 Respostas 
47 Exibições
por acarolsd
3 Respostas 
95 Exibições
por JoaoEnrik
2 Respostas 
86 Exibições
por Guimo3XD

É de fundamental importância certific[…]

No filme estadunidense "O diabo veste Pra[…]

A Constituição Federal de 1988 asseg[…]

Mylike , bylari , Anna1 , geoca , Higorva[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM