• Avatar do usuário
#71092
Na obra cinematográfica, linda de morrer, a protagonista Paula, é uma cirurgiã plástica, que após aplicar no próprio corpo uma fórmula experimental para eliminar celulites, acaba morrendo por complicações na saúde. Fora a ficção, essa é a realidade de muitas mulheres brasileiras que buscam por um padrão de beleza considerável aceitável na sociedade. Diante dessa perspectiva, percebe-se a consolidação de um grave problema, em virtude da falta de representatividade e uma má influência da mídia. 
Primeiramente, é preciso atentar para lacuna representativa na questão. De acordo com Rupi Kaur “representatividade é vital”. A poetisa mostra a sua tese, fazendo uma alusão a uma borboleta que tenta ser uma mariposa, por está rodeada de muitas delas. Sob esse contexto, é evidente que, no que tange à busca por uma estética artificial, a ausência de pessoas com corpos e rostos reais, sem modificações, em revistas de beleza, novelas e entre outros muitos meios, agravam mais ainda a problemática.
Outro ponto relevante, nessa temática, é uma inadequada influência midiática. O filósofo Pierre Bourdie, afirma que o que foi criado para ser objeto de democracia, não pode ser revertido em mecanismo de opressão. Nesse sentido, a mídia dificulta bastante o extermínio desse empecilho, uma vez, que influência a população, a procedimentos que podem trazer riscos a saúde e ainda impor padrões de beleza inalcançáveis. 
Sendo assim, é indispensável a adoção de medidas a adoção de medidas, capazes de assegurar a resolução da problemática. Para isso, o ministério da saúde e da justiça, em parceria com meios midiáticos positivos e de grande alcance, devem promover a regulamentação de propagandas e produtos, com o objetivo de exterminar as que são enganosas e que podem prejudicar a vida das pessoas. Além disso, seria viável, ações conscientizadoras, em canais televisivos, redes sociais e até mesmo nas escolas, para que assim seja mostrado, as consequências da busca inadequada de uma beleza artificial. A partir dessas ações, espera-se que o problema fique no passado brasileiro.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

HABILIDADES SOCIOEMOCIONAIS

Para o filósofo grego Aristóteles, q[…]

O peso de ser gentil

Cordialidade trata-se do bom recebimento e tratam[…]

A Constituição Federal, norma de mai[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM