• Avatar do usuário
#74004
Beleza não é tudo
"Não comi nada a semana inteira e fui à
academia o tempo todo. Cuspi o tempo todo, para que não houvesse água no meu corpo. E quando me deitei na cama e tentei dormir, fiquei com medo de não acordar de novo e, de repente, comecei a chorar. ” é um relato da cantora Momo sobre sua época de trainne. Essa atitude se deve aos padrões de beleza impostos pela mídia e à busca por uma figura perfeita inatingível, o que torna as pessoas sujeitas a procedimentos estéticos, por isso a busca pela beleza tornou-se uma obsessão total.

Como todos sabemos, os padrões de beleza e alimentação balanceada impostos pela mídia incluem alguns dias de emagrecimento, ginástica e cirurgia plástica, o que leva à fraqueza, desidratação e, portanto, infelicidade. A indústria da beleza está crescendo a cada dia. São jovens e mulheres que querem embelezar o exterior mas esquecer o interior. Essa busca pela perfeição social é um fator aterrorizante, e tem levado modelos e atrizes a procurar corpos ideais em desfiles de moda e novelas veiculadas em revistas, televisão e redes sociais.

À medida que mais e mais pessoas buscam o corpo perfeito e a praticidade dos métodos de tratamento, a demanda por pessoas bonitas também aumenta, e aqueles que se interessam ou não conseguem seguir o modelo de simetria e equilíbrio sugerido são claramente excluídos. . Outra preocupação constante é que com a "busca pela beleza", ela trouxe doenças como anorexia e bulimia, que vêm destruindo a vida de pessoas que prestavam atenção na perda de peso.

Portanto, infere-se que medidas precisam ser tomadas para alterar o status quo. Portanto, o Ministério da Saúde deve cooperar com as instituições de ensino para a realização de debates e palestras em sala de aula por meio de psicólogos e médicos para educar os mais obcecados com o conhecimento ideal da beleza e compreender os perigos. Além disso, a mídia deve criar campanhas publicitárias para quebrar os tabus da indústria da beleza, visando enfraquecer padrões pré-estabelecidos.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Olá, Bia. A sua redação n&at[…]

eurodrigo anasilva1 Bia2201 3m1ly Gi6[…]

eurodrigo Obrigado pela avaliaçã[…]

oii, estou de volta pessoal!!! Gostaria que corrig[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM