Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#49667
Na sociedade capitalista vigente em vários países do mundo, o consumo exorbitante de alimentos está cada vez mais comum. Decorrente a análise da constituição federal Brasileira, observa-se uma questão fundamental dos direitos humanos, a qual defende que: a saúde deve ser um direito de todos e dever do governo vigente provê-la. Tendo isso em mente, observa-se que atualmente, o sobrepeso e a obesidade são pautas de discussões que devem ser ouvidas, principalmente que, um indivíduo em tais condições, não possui seu direito à saúde garantido, uma vez que se é debilitado.
Produtos de fácil acesso às mais variadas classes sociais, auxilia no consumo exagerado de alimentos e, em decorrência disso, o sobrepeso. Tal sobrepeso nada mais é que a elevada quantidade de massa que um indivíduo possui, massa a qual é elevada a um ponto considerado não saudável pelos profissionais da saúde. Se observa que o incentivo do consumo adequado e balanceado desses alimentos não é vantajoso para aqueles que o vendem, tendo assim a maior alienação sobre o problema.
É importante ressaltar que a pressão psicológica implantada na cabeça dos indivíduos também é uma das causas para a dificuldade do combate. Muitos utilizam da alimentação como um passe de fuga para problemas psicológicos- como traumas de infância, etc. Cabe ao governo criar medidas protecionistas a partir de ministérios, com um investimento voltado à saúde mental para que traumas sejam tratados e pessoas com problemas assim sejam auxiliadas.
Além do que foi ressaltado anteriormente, a sociedade poderia se organizar em ONGs financiadas pelo governo, para ajudar em políticas públicas, e incentivar a mudança de hábitos alimentares, mostrando os riscos de vida para aquelas pessoas que não têm bons hábitos nutricionais. Por meio também de incentivos midiáticos promovidos pelas emissoras de TV, podemos ter um alcance ainda maior do incentivo, buscando sempre a saúde defendida pela constituição, seja por meio da alimentação quanto por exercícios físicos.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, ou seja, os argumentos estão pouco articulados, além de relacionados de forma pouco consistente ao ponto de vista defendido.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula de forma mediana as partes do texto com inadequações ou alguns desvios e apresenta repertório pouco diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#49769
Oi, vou tentar corrigir, mas se ver algo errado fique a vontade para falar (por favor hihi)

Na sociedade capitalista vigente em vários países do mundo, o consumo exorbitante de alimentos está cada vez mais comum. Decorrente a análise da constituição federal [Constituição Federal] Brasileira, observa-se uma questão fundamental dos direitos humanos, a qual defende que: a saúde deve ser um direito de todos e dever do governo vigente provê-la. Tendo isso em mente, observa-se que atualmente, o sobrepeso e a obesidade são pautas de discussões que devem ser ouvidas, principalmente que, (1) um indivíduo [,] em tais condições, não possui seu direito à saúde garantido, uma vez que se é debilitado.
(1) Não há motivos para a vírgula, o "um indivíduo" é o sujeito da próximo verbo e normalmente não se separa o "que" da oração que ele está introduzindo.
---> Boa introdução


(*) Produtos de fácil acesso às mais variadas classes sociais, auxilia no consumo exagerado de alimentos e, em decorrência disso, o sobrepeso. Tal sobrepeso nada mais é que a elevada quantidade de massa que um indivíduo possui, massa a qual é elevada a um ponto considerado não saudável pelos profissionais da saúde. Se observa [Observa-se] que o incentivo do consumo adequado e balanceado desses alimentos não é vantajoso para aqueles que o vendem, tendo assim a maior alienação sobre o problema.
---> Há algumas repetições de palavras: "consumo" e "alimentos", só que aquele "sobrepeso" um em seguida do outro não está bom. Não tenho certeza, mas como descreveu o sobrepeso, levando em consideração os profissionais da saúde, considero que isso seria um repertório legitimado (vou deixar 140 por causa da dúvida na competência 2)... Se possível deixe claro que seu repertório é um conceito ou faz parte de alguma área do conhecimento. Se eu estiver certa sobre aquilo, mesmo assim faltou desenvolver um pouco mais, porque a obesidade é só uma consequência do problema apresentado e não é interligada com a argumentação no final.

(*) É importante ressaltar que a pressão psicológica implantada na cabeça dos indivíduos também é uma das causas para a dificuldade do combate. Muitos utilizam da alimentação como um passe de fuga para problemas psicológicos- como traumas de infância, etc. Cabe ao governo criar medidas protecionistas a partir de ministérios, com um investimento voltado à saúde mental para que traumas sejam tratados e pessoas com problemas assim sejam auxiliadas.
---> Aqui o argumento principal foi a pressão psicológica, porém anteriormente não há nenhum indício de que iria falar disso e sequer reafirma a tese, então não consegui identificar seu projeto de texto. Outra questão é que só há argumentos e não existe um repertório legítimo. Por fim, já colocar uma espécie de conclusão aqui tira espaço para suas argumentações, além de que ainda precisará retomar uma ideia parecida na conclusão.

(*) Só tem um operador argumentativo entre parágrafos, precisava de pelo menos mais um.

Além do que foi ressaltado anteriormente, (2) a sociedade (Agente) poderia se organizar em ONGs financiadas pelo governo (Ação), para ajudar em políticas públicas, (não precisa de vírgula) e incentivar a mudança de hábitos alimentares (Finalidade), mostrando os riscos de vida para aquelas pessoas que não têm bons hábitos nutricionais (Detalhamento). Por meio também (3) de incentivos midiáticos (Ação)[,] promovidos pelas emissoras de TV (Agente), podemos ter um alcance ainda maior do incentivo (Finalidade), buscando sempre a saúde defendida pela constituição(Detalhamento), seja por meio da alimentação quanto por exercícios físicos (Meio do detalhamento, mas não é exatamente da ação de incentivo das mídias).
(2) Não há retomada concluindo o texto, só está acrescentando ideias e na verdade a conclusão deve mesmo fazer algum tipo de síntese
(3) Primeiro que não foi esclarecido um meio anteriormente, então esse "Por meio também" não tem sentido.
---> Faltou o meio/modo da última proposta que está mais completa. Não está claro como formar ONGs ajudaria no problema. Também não tem nenhuma relação com a questão da pressão psicológica, mas foi legal retomar a introdução.

Acho que você precisa focar na estruturação do seu texto, porque se já trabalhar isso pode melhorar muito ;)

Inspirado nos relatos da professora norte-american[…]

Tabagismo

De acordo com o filósofo Ralph Waldo, &quo[…]

A constituição federal de 1988, docu[…]

Olá, irei corrigir sua redaçã[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM