#80128
    Na série sul-coreana Round 6, a pobreza e a desigualdade social são ilustradas de forma explícita e mostram a inércia governamental para com a população. De maneira análoga à ficção, no Brasil contemporâneo, as autoridades mantêm seu desleixo e ignoram os efeitos da extrema pobreza no cotidiano dos brasileiros. Nesse prisma, destacam-se duas causas da problemática: A negligência governamental e a gentrificação
    Sob este viés, a ineficiência do Estado, pode ser considerada um empecilho à consolidação de uma solução. Conforme Thomas Hobbes, é dever do Estado promover e garantir o bem-estar à população. Todavia, é indiscutível que esse papel é exercido erroneamente, já que a sociedade brasileira, segundo Ariano Suassuna, é impactada pela injustiça secular, originando dois grupos distintos, o privilegiado e o despossuído. Desse modo, a inércia do Governo, diante aos impactos da desigualdade, fomentam o aumento da pobreza, haja vista não haver políticas públicas eficazes, implantadas pelos órgãos competentes, as quais contornem a conjuntura social em vigência. 
    Outrossim, é notório que a gentrificação acelerada corrobora para a problemática. Na medida que as cidades crescem, o processo de gentrificação, responsável por criar favelas e afasta-las dos grandes centros urbanos, associado à total falta de capacidade do governo em amenizar o sofrimento dos mais necessitados dificultam o acesso aos serviços básicos, como educação de qualidade, e saúde. A exemplo disso, em seu livro biográfico "Quarto de Despejo", a escritora brasileira Carolina de Jesus criticou o processo de gentrificação “Eu denomino que a favela é o quarto de despejo de uma cidade. Nós, os pobres, somos os trastes velhos.” Sendo assim, retratando as dificuldades dos menos favorecidos e criticando a segregação executada pelos comandantes da nação verde-amarela.
Visto que a pobreza é considerada um grave problema público, é necessário providenciar medidas efetivas para atenuar essa triste realidade. 
   Em suma, observa-se a necessidade de atenuar os desafios relacionados ao combate às consequências da intensa carência na vida dos brasileiros. Logo, para o Tribunal de Contas da União (TCU), responsável pela execução financeira do país, cabe enviar verbas que, por intermédio do Ministério da Economia, serão revertidas em programas de auxílio às pessoas de baixa renda, de modo a diminuir a desigualdade social. Ademais, para os estados, responsáveis pelo bem-estar de seus habitantes, urge criar políticas públicas de inclusão aos bens sociais, através de obras que estabelecerão mais hospitais, escolas e melhor infraestrutura, visando beneficiar residentes de locais afastados das cidades. Com efeito, espera-se a consolidação do direito elencado na Magna carta.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#80129
Pode corrigir por favor?
Muito obrigada desde já

@Deivid16 @eurodrigo @Anne24 @EmillyySilva @Loloy @EduardoPedro @Gi69 @anacar12340 @Hods @anasilva1 @yukine @geoca @Mireli2021 @Jennyy1609 @isaisaisa @EuDavila
@Felipe082 @Ashiley @jheromagnoli @duanalin @Jeniffeeee @GlendaMorais @Geralcinoj @Anna1 @XxDamastco @Flaviaa @eurodrigo @3m1lly @EmillyySilva

Obrigado, se possível, corrija a minha do E[…]

@eurodrigo poderia dar uma olhada?

Correção flash • Modelo ENEM […]

Correção flash • Modelo ENEM […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM