Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#59929
No filme “Eu me importo”, é retratado um esquema imoral em um abrigo de idosos em que sua tutora “escolhe-os” baseado nas condições financeiras e familiares, dessa forma abusando economicamente de tais para se beneficiar. Fora da ficção, é fato que tal conjuntura assemelha-se à atualidade no Brasil visto que, muitos deles vivenciam estas situações evidenciando os desafios do envelhecimento na sociedade, que estão relacionados ao desamparo governamental e ao abuso familiar.
Nessa perspectiva, é valido destacar que o Estado também contribui para as dificuldades da problemática. Segundo o Art.5°da Constituição Federal, todos são iguais perante á lei, sem distinção. Sob esta ótica, a prática se distancia da realidade uma vez que, a população idosa não possui cuidados específicos e que não está mais ativa no mercado de trabalho deste modo, acabam desamparados pelo governo, tendo seus direitos violados.
Ademais, o abuso familiar é outro fator que contribui para a persistência dessa mazela. Devido ao enfraquecimento, o indivíduo fica mais propício a contrair doenças o incapacitando de fazer suas tarefas diárias, sendo dever da família acolhe-lo. Entretanto, acabam abandonando-os e, muitas vezes chegam a violenta-los, por serem mais frágeis. De acordo com o site Fio Cruz Brasília mais de 60% dos casos de violência contra a pessoa idosa ocorre nos lares, comprovando as péssimas condições que muitos deles vivem nas mãos de seus curadores.
Portanto, medidas são necessárias para resolver tal impasse. Para a reversão da dificuldade do envelhecimento social, urge que o Poder Judiciário fiscalize as leis asseguradas pelo Estatuto do Idoso e as coloque em prática através de verbas governamentais, criando politicas públicas voltadas para a área. Além disso, realizar palestras em espaços públicos para conscientizar a população sobre abandono de idosos no cotidiano, desta maneira sensibilizando-os para que possam respeitar mais essa parte da sociedade. Para que assim, todo indivíduo seja tratado de forma igual como prevê o Art.5°.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

A pandemia de negacionismo no mundo

Sob a perspectiva histórica, é fato[…]

Em uma sociedade onde ler se tornou tedioso, utili[…]

• O Aumento dá violência contra […]

Akirakun18 , Andree Desculpa te incomodar,mas […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM