• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#76019
*Os desafios da mobilidade urbana no Brasil*

Promulgada pela ONU em 1948, a Declaração Universal dos Direitos Humanos garante a todos os indivíduos o direito ao transporte e ao bem-estar social. Conquanto, a mobilidade urbana na contemporaneidade impossibilita que essa parcela da população desfrute desse direito universal na prática. Diante dessa perspectiva, cabe avaliar os fatores que favorecem esse quadro.
De acordo com Toda Matéria, as cidades que mais sofrem com o inchaço no trânsito são as mais populosas: São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba. Diante do exposto, vemos que o sobrecarregamento do espaço e a limitação do fluxo são consequências da ausência de políticas específicas para o aumento dos meios de transporte viáveis e eficientes para a população. A educação é o fator principal no desenvolvimento de um país. Hodiernamente, ocupando a décima nona posição na economia mundial, seria racional acreditar que o Brasil possui um sistema público de ensino eficiente. Contudo, a realidade é justamente o oposto e o resultado desse contraste é claramente refletido na mobilidade urbana.
Faz-se mister, ainda salientar o aumento de acidentes como impulsionador do problema. De acordo com Zygmunt Bauman, sociólogo polonês, a falta de solidez nas relações sociais, políticas e econômicas é a característica da "modernidade líquida" vivida no século XXI. Diante de tal contexto, onde a maioria das vítimas está em plena capacidade produtiva com os riscos de acidentes os casos de mortes ou invalidez permanente aumentam a pressão sobre a Previdência Social.
Infere-se, portanto, que ainda há entraves para garantir a solidificação de políticas que visem à construção de um mundo melhor. Cabe ao governo melhorar e integrar diferentes meios de transportes e estabelecer um preço acessível para as tarifas dos mesmos. Dessa forma, o Brasil poderia superar os desafios da mobilidade urbana no país ponto final a partir dessas ações espera-se promover uma melhora das condições educacionais e sociais desse grupo.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação previsível e apresenta domínio mediano do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Com essa pontuação, ou o tema da redação é desenvolvido adequadamente, porém de forma previsível, com pouco avanço em relação ao senso comum ou, embora o texto demonstre domínio adequado do tipo textual exigido, a progressão textual apresenta algum problema.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula de forma mediana as partes do texto com inadequações ou alguns desvios e apresenta repertório pouco diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora, de forma mediana, pouco consistente, proposta de intervenção relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto.

#76183
Oiii @Anne10, tudo bem??? Antes de começar a corrigir sua redação, eu gostaria de deixar claro que ainda estou no começo do meu processo de aprendizagem então, por favor, me perdoe se errar algo, ok? Sinta-se livre para contestar qualquer parte desta análise.

observações
comentários
repetição
possíveis erros
reescrita/correção
desnecessário


• introdução •

Promulgada pela ONU¹ [Organização das Nações Unidas]  em 1948, a Declaração Universal dos Direitos Humanos garante a todos os indivíduos o direito ao transporte e ao bem-estar social. Conquanto, a mobilidade urbana² na contemporaneidade impossibilita que essa parcela da população desfrute desse direito universal na prática. Diante dessa perspectiva, cabe avaliar os fatores que favorecem esse quadro.

¹ Evite citar siglas na redação sem uma explicação prévia do que significam.

² Explique que ela não acontece do jeito que deveria. A mobilidade urbana em si não é maléfica e, assim, não é necessariamente o que impossibilita que os cidadãos usufruam do direito de ir e vir nas cidades - inclusive esse é o significado do conceito -, mas sim os problemas relacionados a ela. Tente deixar isso mais claro.


d1

De acordo com [o site] Toda Matéria, as cidades que mais sofrem com o inchaço no trânsito são as mais populosas: São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba. Diante do exposto, vemos que o sobrecarregamento do espaço e a limitação do fluxo são consequências da ausência de políticas específicas para o aumento dos meios de transporte viáveis e eficientes para a população. A educação é o fator principal no desenvolvimento de um país. Hodiernamente, ocupando a décima nona posição na economia mundial, seria racional acreditar que o Brasil possui um sistema público de ensino eficiente. Contudo, a realidade é justamente o oposto e o resultado desse contraste é claramente refletido na mobilidade urbana.

Você começou o parágrafo perfeitamente bem (parabéns!), citando a inoperância estatal como causa do problema. Não consigo enxergar necessidade alguma de mencionar, no mesmo parágrafo, a falha no sistema educacional, você poderia apenas desenvolver um pouquinho mais o primeiro argumento, adicionar um fechamento crítico relacionado a ele e terminar o parágrafo.


d2

Faz-se mister, ainda[,] salientar o aumento de acidentes como impulsionador do problema. De acordo com Zygmunt Bauman, sociólogo polonês, a falta de solidez nas relações sociais, políticas e econômicas é a característica da "modernidade líquida" vivida no século XXI. Diante de tal contexto, onde [em que] a maioria das vítimas está em plena capacidade produtiva com os riscos de acidentes os casos de mortes ou invalidez permanente aumentam a pressão sobre a Previdência Social.¹

¹ Como isso se relaciona com a "modernidade líquida" de Bauman? Acredito que tenha faltado bastante explicação nesse desenvolvimento e, eu diria ainda, que o repertório escolhido não tem muito a ver com a argumentação.

Aqui, acho q se encaixaria uma frase de Goethe, um filósofo alemão, que diz: "Não há nada mais assustador que a ignorância em ação." Seria bem mais fácil desenvolver seu argumento dos acidentes através dessa frase.


conclusão

agente[/color]
ação
meio/modo
intuito
detalhamento

Infere-se, portanto, que ainda há entraves para garantir a solidificação de políticas que visem à construção de um mundo melhor. [Dito isso,] Cabe ao governo melhorar e integrar diferentes meios de transportes e estabelecer um preço acessível para as tarifas dos mesmos. Dessa forma, o Brasil poderia superar os desafios da mobilidade urbana no país, a partir dessas ações espera-se promover uma melhora das condições educacionais e sociais desse grupo.¹

¹ Qual grupo?

Não consegui identificar o meio/modo nem o detalhamento da sua proposta :/


• checklist de assuntos que te ajudarão a aperfeiçoar sua redação •

⚪ repertórios
⚪ uso da vírgula
⚪ a argumentação na redação Enem
⚪ a proposta de intervenção
⚪ a estrutura da redação Enem



É isso, parabéns pelo seu desempenho na redação! Continue treinando, você está no caminho certo <3

Anabia15 , PFVRR CORRIGE MINHA REDAÇ&Atild[…]

Olá, thayolivb . Aqui está a corre&[…]

https://projetoredacaonota1000.com.br/combate-ao-a[…]

GabrielFelix obg💕

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM