Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#60659
De acordo com a Declaração Universal dos Direitos Humanos - promulgada em 1948 pela ONU (Organização das Nações Unidas) - é direito de todos os cidadãos, sem qualquer distinção, à educação. Entretanto, o cenário brasileiro atual, observa-se justamente o contrário, quanto à questão dos desafios da alfabetização. Nesse contexto, percebe-se a configuração de um grave problema de contornos específicos, em virtude não só da falta de investimentos econômicos por parte do governo, como também à renda familiar precária.

Deve-se destacar, de início à insuficiência de verbas do governo como um dos aplicadores do problema. Nesse sentido, segundo a perspectiva filosófica de São Tomás de Aquino, todos os indivíduos de uma sociedade democrática possuem a mesma importância, além dos mesmos diretos e deveres. No entanto, nota-se no Brasil, que a alfabetização rompe com as defesas do filósofo, já que possui cerca de 16 milhões de analfabetos, sendo à região do Nordeste a mais afetada. Logo, é preciso uma intervenção para combater à questão com o fito de transformar uma isonomia esperada pela sociedade.

Ademais. é fundamental apontar o baixo valor monetário nos domicílios como impulsionador do obstáculo da educação brasileira. De acordo com pesquisas, estudantes com baixa renda são os mais prejudicados. Diante de tal exposto muitos estudantes deixam à escola para trabalhar e ajudar nas despesas de casa. Ainda por cima, é inadmissível que esse cenário continue a pendurar.

Depreende-se, dessa maneira, a urgência de ações para amenizar o inconveniente. Para isso, é imprescindível que Governo Federal, por intermédio do aumento de rendas governamentais, deve beneficiar famílias carentes, criando programas beneficentes, e ampliação dos existentes. Nessa lógica, o intuito de tal ação é impedir que os estudantes deixem de frequentar à escola, por ausência de infraestrutura nacional. Somente assim, esse problema será gradativamente erradicado, pois, conforme Gabriel O pensador, '' Na mudança do presente a gente molda o futuro ''.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Os casos de violência doméstica aumen[…]

A constituição federal de 1988, docu[…]

Violência doméstica

Agressão a Maria da Penha Vemos que atualm[…]

Obesidade no Brasil

Segundo dados do IBGE, em 2019 um quarto da popula[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM