Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#51254
A Constituição Federal de 1988 - norma de maior hierarquia no sistema jurídico brasileiro - garante a todos os indivíduos acesso à educação. Entretanto, vale ressaltar os empecilhos da alfabetização ainda na infância. Sob essa ótica, percebe- se que esse cenário negligente ocorre não só pela lacuna fundamentada em um direito básico do cidadão, como também na ineficácia do Estado na solução desse infortúnio.
Tendo em vista a realidade supracitada, o tema representa a condição indisponível de dignidade humana. Nesse sentido, o Iluminismo consolidou, no século XVIII, a Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão, e estabeleceu que todos os seres humanos fazem jus às circunstâncias dignas de subsistência. Ocorre que não há como promover qualidade de vida proposta pelos iluministas sem alfabetizar o indivíduo, apresentando-o a um direito fundamental que, em ausência, abre margem para a desigualdade, exclusão e exploração, consequentemente.
Ademais, é importante salientar os impactos negativos da crescente desatenção do estado no letramento, ainda nos primeiros anos de vida, do cidadão. Essa visão condiz com a ideia de Barão de Itararé, criador do jornal alternativo durante o período da ditadura militar, quando ressaltou que o Brasil é feito de alguns nós, e está na hora de desatá-los. Nesse viés, faz-se indubitável que tal nó se desfaça, com a persistência do governo, acarretando assim uma onda onde crianças, ainda na educação infantil, insiram-se na sociedade atual.
Portanto, compete ao Ministério da Educação (MEC), visando a mudança e desproblematização no letramento infantil, promover plataformas digitais e disponibilização de ferramentas tecnológicas no âmbito escolar. Essa iniciativa deve ser realizada por meio do auxílio de empresas de tecnologia privadas, que ofereçam algumas melhorias por meio de jogos e atividades promovidas em esfera familiar e escolar. Assim, torna-se possível a contrução e cumprimento de direitos básicas elencadas na Constituição Federal.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Oi, boa noite! Agora estou ocupada com uns comprom[…]

Não sou pró nas redaçõ[…]

O livro “Flores para Algernon” retrata[…]

Introdução: São Tomás […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM