Avatar do usuário
Por theodoro
Quantidade de postagens
#128714
Há duas décadas, o povo brasileiro testemunhava a criação do Senado imperial, o início oficial de um processo político que influenciaria o rumo do país. Ao chegar aos 200 anos, o congresso do Brasil é uma parte duradoura da história política, e enfrenta desafios importantes para fortalecer a democracia. Nesse sentido, o Senado do país está propriamente ligado à democracia, que por sua vez vem lidando com problemas de inclusão e de participação dos cidadãos.
Em primeiro plano, destaca-se a falta de uma democracia inclusiva, algo essencial para um democratismo justo. Segundo o escritor Fernando Sabino, "Democracia é oportunizar a todos o mesmo ponto de partida." Nesse raciocínio, o autor implica que todos devem ter acesso a direitos e oportunidades básicas dentro dos eixo democrático, sem discriminação. Dessa maneira, é fundamental que o Senado represente de forma mais eficiente a diversidade e as necessidades da população brasileira.
Ademais, a complacência social mantém tais desafios. Neste cenário, o ensaio "A Indiferença Moral na Sociedade Moderna" do filósofo britânico Alfred Whitehead destaca a insensibilidade ética predominante, ou seja, a falta de engajamento das pessoas com os problemas comuns. De maneira similar, constata-se que a problemática é fortalecida pela passividade coletiva. Esta situação persiste porque, infelizmente, a comunidade não se mobiliza para amenizar tais desafios: pelo contrário, permanece focada em interesses individuais. Neste sentido, a transformação da atitude social é vital para romper com esse ciclo.
Portanto, é crucial reconhecer que ao longo dos 200 anos do Senado a democracia passou por vários impasses e para combater esses problemas faz-se necessário que o Governo Federal juntamente com o Ministério da Educação ensinar a importância de uma democracia inclusiva. Isso pode ser feito mediante palestras em escolas públicas e particulares, realizando por profissionais da área, como sociólogos e políticos, visando debater com crianças e adolescentes a importância do futuro do governo do povo. Além disso, o Senado, como instituição representativa, deve estar a altura dos desafios, garantindo que a democracia brasileira continue a evoluir e prosperar nas próximas décadas.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
1275 Exibições
por sarrah
0 Respostas 
627 Exibições
por maria0808
0 Respostas 
218 Exibições
por Mireli
0 Respostas 
238 Exibições
por Joyce2410
0 Respostas 
70 Exibições
por Mariakaylla
1 Respostas 
59 Exibições
por Yuresantos01
0 Respostas 
41 Exibições
por cacaucolatt
0 Respostas 
38 Exibições
por Estudx
0 Respostas 
31 Exibições
por Yasmimtpes
0 Respostas 
1395 Exibições
por Raphaelarxs

O escritor Carlos Drummond de Andrade, em seu poem[…]

Aldous Huxley defende: "Os fatos nã[…]

Segundo o Art.205 da Constituição Fe[…]

Zenebra vc poderia corrigir minha redaç&[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM