Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#48102
A obra da artista brasileira Tarsila do Amaral, Abapuru, é tida como o símbolo metafórico do brasileiro médio, que tem como marca a falta de reflexão, ao representar, de modo desproporcional, o corpo do ser da obra, que possui uma pequena cabeça em relação aos outros membros. De maneira análoga, "Abapuru " também pode simbolizar a debilidade reflexiva que acerca o obstáculo na doação de sangue no Brasil que se perpetua como problemática a partir da irracionalidade social que o envolve. Assim, torna-se claro que esse panorama tem como origem a negligência do estado que se faz ausente no meio da saúde. Nesse sentido, a passividade governamental e a ausência de conscientização agravam essa situação.

Em primeiro lugar torna-se a questão constitucional e sua aplicação como agravantes do impasse. Conforme Aristóteles, a política deve ser utilizada de modo que, por meio da justiça, o equilíbrio seja alcançado na sociedade. De modo análogo, no Brasil, o precário acesso dos grupos homossexuais e a burocracia para fazer doação rompe esse equilíbrio. Haja vista que, embora a constituição de 1988 defenda o princípio da Isonomia e do pleno acesso ao direito e a igualdade para ser um doador, mas na prática integrantes desse grupo são impedidos de doar sangue, o que dificulta a universalização desse direito social tão importante.

E fundamental, ainda hoje, salientar que a ausência de conscientização é prepulsor da deficiência de doação. Conforme Zygmunt Bourman, grande filósofo e sociólogo polaco, inexistência de vigor nas relações sociais, políticas e econômicas é a peculiaridade da "modernidade líquida" vivenciada na contemporaneidade. Diante de tal contexto caso o problema continue sendo tratado da mesma forma, é indubitável que a falta de doadores voluntários e a escassez de informações acabam influenciando na questão para doar sangue.

Portanto, medidas são necessárias para atenuar esse entrave. Logo, o Ministério da Educação, braço do governo responsável pela elaboração e execução da política Nacional de Educação (PNE), por meio de uma parceria com as prefeituras, deve realizar um ciclo de palestras em escolas. Essa ação deve ser partilhada nas redes sociais do Ministério no formato de live, com o fito de atingir grande parte da população brasileira e trazer, mais clareza a respeito do entrave na doação de sangue. Dessa maneira, espera-se promover a construção de um Brasil melhor.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 60

Você atingiu aproximadamente 30% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra domínio insuficiente da modalidade escrita formal da língua portuguesa, com muitos desvios gramaticais, de escolha de registro e de convenções da escrita. Seu texto apresenta estrutura sintática com certa organização, porém com muitos desvios morfossintáticos, de pontuação, de grafia ou de emprego do registro adequado ao tipo textual, que comprometem a compreensão das ideias.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, ou seja, os argumentos estão pouco articulados, além de relacionados de forma pouco consistente ao ponto de vista defendido.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 100

Você atingiu aproximadamente 50% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula de forma mediana as partes do texto com inadequações ou alguns desvios e apresenta repertório pouco diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

A constituição de 1988 documento jur[…]

A Constituição Federal, promulgada e[…]

ahhh e qualquer coisa pode me marcar. Não s[…]

ahh e qualquer coisa pode me marcar

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM