• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#84241
Atualmente, sabe-se que a tecnologia vem se tornando, cada vez mais, importante na vida de profissionais da educação e estudando, principalmente, no momento de estudos a distância devido a pandemia. O uso desse artefato tecnológico na sala de aula é algo já comum em algumas redes de ensino no Brasil.
O uso de celulares, durante a pandemia , se tornou o principal instrumento de aprendizagem dos alunos, substituindo a sala de aula, desta forma, o aparelho provou ser um recurso eficiente, útil e prático que pode somar com os professores no ambiente de ensino. Hoje, há muitos aplicativos criados para proporcionar materiais escolares de modo mais simples, rápido e que cabe dentro do bolso, além de poder ser acionado a qualquer momento e qualquer lugar.
Os curso que utilizam as plataformas digitais como sala de aula, já se tornou realidade entre os estudantes e funcionam como um reforço para muitos. Dentro da escola, o celular pode ser uma ferramenta que dará aos alunos uma possibilidade de fazer pesquisas, reforçar assuntos tratados e, assim, o sistema de ensino será mais contemporâneo e mais fortalecido.
Conclui-se, portanto, que o uso de aparelhos celulares pode ser utilizado pelo MEC, principal órgão responsável pela educação, através da distribuição de celulares com aplicativos focados no crescimento estudantil, já que, assim, a tecnologia poderá fortalecer a rede de ensino, trabalhando em conjunto com os professores.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 40

Você atingiu aproximadamente 20% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra domínio precário da modalidade escrita formal da língua portuguesa, de forma sistemática, com diversificados e frequentes desvios gramaticais, de escolha de registro e de convenções da escrita. A redação, neste nível, é elaborada com estruturas linguísticas rudimentares, que, embora se configure minimamente como um texto, apresenta graves problemas de pontuação, de grafia e de emprego do registro adequado ao tipo textual.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 40

Você atingiu aproximadamente 20% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante apresenta o assunto tangenciando o tema, ou demonstra domínio precário do texto dissertativo-argumentativo, com traços constantes de outros tipos textuais. Com essa pontuação, ou o texto tangencia a temática proposta, isto é, o assunto é mencionado por meio de palavras ou expressões, mas não é desenvolvido, ou se identificam muitas inadequações, com fragmentos de outros tipos textuais que não se configuram como argumentos, sinalizando desconhecimento da estrutura do texto dissertativo-argumentativo.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 40

Você atingiu aproximadamente 20% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. O texto não defende ponto de vista a respeito do tema proposto e/ou apresenta informações, fatos e opiniões pouco relacionados ao tema, superficiais ou incoerentes.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 40

Você atingiu aproximadamente 20% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante não articula as partes do texto ou as articula de forma precária e/ou inadequada, apresentando graves e frequentes desvios de coesão textual. Na redação enquadrada neste nível, há sérios problemas na articulação das ideias e na utilização de recursos coesivos: frases fragmentadas; frase sem oração principal; períodos muito longos sem o emprego dos conectores adequados; repetição desnecessária de palavras; não utilização de elementos que se refiram a termos que apareceram anteriormente no texto.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 40

Você atingiu aproximadamente 20% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante apresenta proposta de intervenção vaga, precária, frágil, superficial, ou relacionada apenas ao assunto, de forma tangencial ao tema, isto é, sem se ater ao recorte temático solicitado.

#84615
Olá MANDELA! Irei corrigir sua redação.

Desde já, não gostei de sua redação. Há claros erros de estrutura de uma redação dissertativa-argumentativa. Há poucos argumentos. O que notei ter mais ali eram fatos, fatos sobre a vida, histórias sobre algo, descrição de um objeto etc. Dizer sobre algo, não é dissertar argumentativamente. Peço que refaça sua redação, e desde já, veja por completo as aulas do fórum : , além de ver a aula de como fazer um tópico frasal > . Por fim, você escreveu 12 linhas. Se você entrou no site, se cadastrou e tal, venha para destruir o corretor, faça valer a pena esse esforço. Faça na próxima vez acima de 25 linhas.

Muito bom estudo!
Invisibilidade na sociedade

O romance filosófico "Utopia", re[…]

Olá Hospedar , tudo bem? 😺👋🏻 &[…]

SKKSKDKDK JoaoPedro72 isso é uma obr[…]

Oie, vocês poderiam corrigir minha reda&cced[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM