Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#55990
O livro sagrado dos cristãos, a Bíblia Sagrada, em um de seus versículos, explana que o trabalho dignifica o homem. Notoriamente, o trabalho é importante para que o indivíduo sobreviva, sinta-se útil e exerça alguma forma de poder. Um problema para o indivíduo, nesse aspecto, é o desemprego. Além disso, o ser humano só se realiza como tal, quando exerce sua utilidade, e, para isso, necessita de trabalho.

Em vista disso, é indubitável que o desemprego que, no Brasil, afeta mais de 13 milhões de habitantes, segundo o IBGE, é um empecilho à dignidade do ser humano, pois impede que este viva de forma independente. Ademais, em uma sociedade que, segundo o sociólogo Karl Marx, é pautada no materialismo, um indivíduo que não consegue ou é impedido de trabalhar inviabiliza, além de sua essência, sua sobrevivência.

Outrossim, o indivíduo que não trabalha age contra o princípio fundamental da vida defendido pelo filósofo alemão Nietsche que é, de forma intrínseca ao ser humano, a vontade de poder. Tal visão de mundo é comprovada quando se analisa o princípio da vida, segundo a hipótese mais aceita, onde, após alguns milênios de evolução, uma célula exerceu seu poder sobre outras, desenvolvendo a predação.

Em vista dos pontos citados, torna-se imprescindível a ação do Estado para promover a utilidade, a sobrevivência e o poder dos indivíduos. Portanto, o Ministério do Trabalho, em parceria com o MEC, por meio de investimentos maciços em equipamentos e tecnologia, deve promover a instauração de cursos profissionalizantes como, por exemplo, em informática, programação e mecânica, em todos os colégios de nível médio do país, com a finalidade de formar mão de obra especializada e buscada, erradicando assim o desemprego e tornando o ser humano, de fato, vivo.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#55991
O livro sagrado dos cristãos, a Bíblia Sagrada, em um de seus versículos, explana que o trabalho dignifica o homem. Notoriamente, o trabalho é importante para que o indivíduo sobreviva, sinta-se útil e exerça alguma forma de poder. Um problema para o indivíduo, nesse aspecto, é o desemprego. Além disso, o ser humano só se realiza como tal, quando exerce sua utilidade, e, para isso, necessita de trabalho.
Como deve ser:
O livro sagrado dos cristãos, a Bíblia Sagrada, em um de seus versículos, explana que o trabalho dignifica o homem. Notoriamente, o trabalho é importante para que o indivíduo sobreviva, sinta-se útil e exerça alguma forma de poder. Nesse viés, o desemprego se faz notório atualmente,assim, emergem dois problemas: (desenvolvimento 1) e (desenvolvimento 2).

Na tua introdução, e não a minha, falou bem no início, mas copiou a mesma coisa no finalzinho,do qual subtrai da minha introdução. Subtrai porque é vazio, fala pouco; deveria colocar algo sobre o que vai falar adiante,pois o papel da introdução é introduzir, e nada além. Sendo assim, percebe-se que tirei um excesso e coloquei um outro para melhor aproveitamento de organicidade.

Como é:
Em vista disso, é indubitável que o desemprego que, no Brasil, afeta mais de 13 milhões de habitantes, segundo o IBGE, é um empecilho à dignidade do ser humano, pois impede que este viva de forma independente. Ademais, em uma sociedade que, segundo o sociólogo Karl Marx, é pautada no materialismo, um indivíduo que não consegue ou é impedido de trabalhar inviabiliza, além de sua essência, sua sobrevivência.
Como fica:
Segundo o IBGE, o desemprego afeta cerca de 14 milhões de brasileiros, e o empecilho ainda é crescente ao passar dos dias. Em consequencia, o indivíduo que não consegue trabalhar, inviabiliza o seu meio de sobrevivência, a sua essencia, danos psicológicos,( mais 2 exemplos) e fim,pois o homem nasce para trabalhar, de Karl Marx, por natureza própria, pois este é inserido no capitalismo com este propósito.

Acrescentei ideias não vinculadas ao dado, mas só tentei expandir um pouco mais o campo de visão do leitor sobre como o desemprego afeta o indivíduo já que este nasceu para trabalhar, tal é a sua argumentação. Explendido, mas faltou falar mais e melhor.

Como é:
Outrossim, o indivíduo que não trabalha age contra o princípio fundamental da vida defendido pelo filósofo alemão Nietsche que é, de forma intrínseca ao ser humano, a vontade de poder. Tal visão de mundo é comprovada quando se analisa o princípio da vida, segundo a hipótese mais aceita, onde, após alguns milênios de evolução, uma célula exerceu seu poder sobre outras, desenvolvendo a predação.
Como fica:
Outrossim, é cabível dizer que a problemática ocorre por causa da omissão governamental pois esta não exerce nenhuma providencia..........

Ok, não aproveitei nada do seu desenvolvimento, mas culpei alguem. Quero que entenda que seu papel é culpar algo, alguem, assim terá que propor uma proposta de intervenção. No desenvolvimento 1 você disse que 13 milhões sem emprego. Mas porque não estão empregadas ? Falta cursos gratis ? Falta providências do governo ? e dentre outras perguntas que você omitiu.
Aí está o X da questão, melhore em culpar algo/alguem.

Respostas das perguntas anteriores,extraídas da sua conclusão: instauração de cursos profissionalizantes como, por exemplo, em informática, programação e mecânica, em todos os colégios de nível médio do país, com a finalidade de formar mão de obra especializada.

Assim, percebe-se que não culpou ninguém. Tornando assim inviável pontuar a competência 5 e uma perca de no minimo 100 pontos na competência 3 e 2. No maximo a nota não passa de 600.
Melhore no apresentado. Qualquer erro me chame.
Valorização do idoso

De acordo com o sociólogo Émile Durk[…]

Bom dia, seu texto está muito bem desenvolv[…]

Bom dia, vou colocar aqui os pontos q vc pode melh[…]

"O cidadão invisivel" trata da de[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM