• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#84909
A escritora Djamila Ribeiro defende que é preciso tirar uma situação da invisibilidade para que soluções sejam promovidas. No entanto, não é o que acontece na temática do suicídio entre os jovens brasileiros, já que a maioria da população trata esse assunto com um extremo descaso, acarretando a inação do povo brasílico . Nesse sentido, observa-se um delicado problema, que tem como causas a má formação familiar e a falta de pertencimento.

Dessa forma, em primeira análise, é evidente a postura inadequada da família na problemática. Sob esse viés, o psicólogo Lev Vygotsky explica que a pessoa é formada pelo meio em que está inserida. Nessa perspectiva, é notória a lacuna de referência na questão do suicídio dos jovens brasileiros, uma vez que a maior parte dos responsáveis na criação dos indivíduos se encontra ausente na juventude dos seus tutelados, o que gera adolescentes sem a preparação para enfrentarem as crises emocionais e, assim, aumenta a probabilidade de tirarem a própria vida. Logo, urge reverter esse quadro lastimável.

Em paralelo, o sentimento de incompatibilidade é um desafio presente nesse impasse .À vista disso, o sociólogo Zygmunt Bauman acredita que o ser humano está sempre buscando se encaixar nos padrões societários. Porém, é visível a irrepresentatividade de alguns jovens na situação do suicídio, visto que a grande parcela dos brasileiros não se sente pertencente às convenções sociais, o que corrobora o comportamento de isolamento nas atividades coletivas e eleva os casos de depressão .Destarte, representar a comunidade inteira é urgente.

Portanto, é indispensável intervir sobre esse imbróglio. Para isso, o governo federal deve investir em palestras, por meio do Ministério da Educação, a fim de ensinar aos pais o melhor método de ensino para a formação pessoal de seus filhos. Tais apresentações podem, ainda, contar com a participação de psicólogos para explicarem o tema. Paralelamente, os canais midiáticos precisam criar um documentário sobre jovens que se sentem desamparados socialmente no intuito de gerar uma identificação com o público. Dessa maneira, o Brasil poderá colocar em ação o princípio de Djamila Ribeiro e promover soluções para esse empecilho.

O impossível é somente um limite estabelecido pelas nossas próprias mentes! :)
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 192

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 190

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 197

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 196

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

4

O ex-presidente Michel temer durante sua gest&atil[…]

Prudência&Sofisticação

samarahbp anasilva1 Anna1

bom dia, Marina li seu texto e minhas observa&cce[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM