• Avatar do usuário
#71222
As diferentes formas de se notar os ciúmes.
Sentimentos como o ciúme têm sido amplamente caracterizados e explanados pela sociedade, seja através de músicas, livros, manchetes jornalísticas e entre outras formas que evidenciam, principalmente, o lado ruim dessa sensação.
Embora esse sentimento tenha sido observado desde o início da história humana, ele pode ser encontrado tanto entre pessoas que possuem uma relação amorosa como entre pais e filhos, amigos, irmãos e etc. Sendo que alguns exemplos dessas relações podem ser observadas em desenhos animados e filmes, tais como “Piu-Piu e Frajola” – em que o gato (Frajola) sente ciúme de sua dona, a qual trata muito bem o passarinho Piu-Piu - e “O melhor amigo da noiva” - onde um homem sente ciúme de sua amiga, contudo a mesma não sabia que ele a amava e o via somente como amigo.
Porém, ao atingir seu ápice o ciúme pode se tornar algo ruim para o indivíduo e para as pessoas que o rodeiam. Em excesso esse sentimento pode gerar brigas, violência e discórdia, além de que a longo prazo pode desencadear a falta de confiança em conhecidos e distúrbios mentais, que em casos severos acabam por ceifar vidas; eventos como esses podem ser percebidos em jornais e livros, assim como nas ocorrências policiais sobre feminicídios “levados pelos ciúmes” e nas obras literárias de Graciliano Ramos (livro “Angústia”) - que retrata em uma das últimas cenas do romance um assassinato causado pelo personagem principal, ao descobrir que um homem (rico e galanteador) havia engravidado a mulher que o tinha abandonado.
Portanto, tal sentimento pode ser identificado em vários tipos de relações que o ser humano pode desenvolver, visando sempre a saúde e o bem-estar do próximo; assim ataques de maior moderação devem ser amenizados com o auxílio de profissionais da área da saúde mental, seja em projetos governamentais (para pessoas de menor condições financeiras), de forma convencional (privada) ou até mesmo abrindo-se com pessoas mais íntimas para poder superar tal problema.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

No século XX [1] o assédio já[…]

Sangue raro

A série médica americana "Grey'[…]

@Emyl Na música " Secretária &q[…]

O futuro é igual ao passado?

O filme estadunidense "Acusados" retrata[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM