Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#43529
No filme “Corra" de Jordan Peele, o autor demonstra como os estigmas sociais e concepções retrógradas estão veemente presentes na contemporaneidade e pode ser visto diariamente no modo de tratamento entre as etnias. Sob o contexto atual, o racismo estrutural entende-se a naturalização de ações, hábitos, situações, falas e pensamentos que já fazem parte da vida cotidiana do povo, sendo isso uma condição de uma debilitada estrutura social e histórica, assim dando continuidade as repressões e segregações devido a errôneas afirmações. Logo, convém analisarmos como se desdobra esse racismo estrutural e como se dá esse extermínio do povo negro no Brasil.
Sob esse prisma, o racismo é proveniente de perspectivas irracionais fundamentadas a partir do introdução das colonizações europeias em que tudo que referiase aos negros possuía uma denotação de ser depreciativo ou maldito. Desse modo, tal conceito disseminouse gradativamente, influenciando fortemente a hodiernidade que busca meios plausíveis para a inserção de um preconceito ocultado e propiciando uma opressão constante sobre esse grupo. Por certo, é preciso que haja ações governamentais para para transformar tais concepções vigentes.
Nessa perspectiva, a imposições de padrões gerou inúmeras problematizações para essas camadas sociais, pois sofrem diariamente com a desvalorização, a exclusão social e até mesmo sendo vítimas de homícidos, ou seja, vivenciam um Apartheid pós-moderno. Segundo a socióloga brasileira, Djamila Ribeiro, afirma que o Brasil nunca aboliu a escravidão, mas que ressignificou-a de maneira a marginalizar os negros e não os incluírem dignamente ao âmbito social. Dessa forma, é percetível a maneira como essa desigualdade agrega exponencialmente mazelas nas estruturas sociais e cria um abismo entre uma população negra e branca.
Em suma, é necessário que o racismo seja rompido de maneira a viabilizar uma permissividade dos negros na sociedade e haja equidade para o desenvolvimento deles. Desta forma, cabe ao Ministério da Educação ministrar ações afirmativas que ampliem e corrobore para a acessibilidade dos negros na comunidade, legimitimando e esclarecendo seus direitos civis por meio de propagandas em redes digitais, escolas e em áreas périficas, com o intuidto de fomentar a ruptura de conceitos conservadores e alienantes, permitindo assim que essas camadas não permaneçam na obscuridão social e protestem sobre comportamentos irreverentes.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

3m1ly , obrigada pela correção, me […]

Geralcinoj , Sobre o desenvolvimento, eu deveria[…]

jherodrigues , gostei bastante da sua redaç[…]

Desde a antiguidade, as mulheres sempre foram vist[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM