• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#79400
“O Amor por princípio, a ordem por base, o progresso por fim”. Esse lema positivista formulado pelo filósofo francês Auguste Comte, inspirou a frase “ordem e progresso” exposta na bandeira nacional. No entanto, o cenário desafiador vivenciado representa uma antítese à máxima do símbolo pátrio, uma vez que o alcoolismo na conjuntura atual resulta na desordem e no retrocesso do desenvolvimento social. Nessa lógica, não só a omissão familiar, mas também o desejo de fugir da realidade intensificam o impasse.
É importante destacar, antes de tudo, a omissão da família na questão. Acerca disso, para Jean Piaget, psicólogo suíço, o núcleo parental, assim como a escola, tem papel fundamental quanto ao desenvolvimento intelectual dos menores., de modo que a ele também cabe o dever de estimular o aprendizado. No entanto, no século XXI, a parentela ainda delega a educação dos filhos à escola, omitindo-se enquanto primeira instituição social de sua responsabilidade em estimular efetivamente o afastamento das drogas, sejam elas ilícitas ou não. Logo, ao passo que vai de encontro com o que propõe Piaget, a família contribui para a formação de uma geração que desconhece os prejuízos obtidos através do consumo exacerbado de bebidas alcoólicas.
Entende-se, diante desse cenário, que a busca por fugir da realidade é um dos agravantes da problemática. Em sua obra “modernidade líquida”, o sociólogo Zygmunt Bauman defende que a pós-modernidade é marcada por relações “líquidas”, ou seja, efêmeras, e cada vez mais flexíveis. Sob essa ótica, percebe-se um maior sentimento de insegurança nos indivíduos, o que torna compreensível o uso de bebidas alcoólicas por parte dos brasileiros, já que, os sentimentos bons causados pela ingestão do álcool, dão às pessoas, sentimentos muito melhores do que os encontrados em estado de sobriedade. Dessa forma, é imprescindível que soluções devam ser aplicadas, de modo a reverter esse quadro.
É preciso, portanto, superar a gênese do alcoolismo na sociedade brasileira. Logo, cabe ao estado — como assegurador dos direitos sociais —, criar palestras e propagandas em todos os veículos de midiáticos, com o intuito de conscientizar o núcleo familiar acerca dos perigos que o álcool pode acarretar. Além disso, o ministério da saúde deve oferecer tratamentos e acompanhamento psicológico aos dependentes. Espera-se com essas medidas, mitigar os impactos da adversidade.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#79404
O Amor por princípio, a ordem por base, o progresso por fim”. Esse lema positivista formulado pelo filósofo francês Auguste Comte, inspirou a frase “ordem e progresso” exposta na bandeira nacional. No entanto, o cenário desafiador vivenciado representa uma antítese à máxima do símbolo pátrio, uma vez que o alcoolismo na conjuntura atual resulta na desordem e no retrocesso do desenvolvimento social. Nessa lógica, não só a omissão familiar, mas também o desejo de fugir da realidade intensificam o impasse.

CUMPRE A PROPOSTA, DE DEMOSTRA COM CLAREZA, O QUE VAI RETRATA NO LONGO DE SUA REDAÇÃO.

É importante destacar, antes de tudo, a omissão da família na questão. Acerca disso, para Jean Piaget, psicólogo suíço, o núcleo parental, assim como a escola, tem papel fundamental quanto ao desenvolvimento intelectual dos menores., de modo que a ele também cabe o dever de estimular o aprendizado. No entanto, no século XXI, a parentela ainda delega a educação dos filhos à escola, omitindo-se enquanto primeira instituição social de sua responsabilidade em estimular efetivamente o afastamento das drogas, sejam elas ilícitas ou não. Logo, ao passo que vai de encontro com o que propõe Piaget, a família contribui para a formação de uma geração que desconhece os prejuízos obtidos através do consumo exacerbado de bebidas alcoólicas.

D1:BOM REPERTORIO SOCIO CULTURAL, TORNANDO ELE PRODUTIVO PARA SEU TEXTO, OBESERVAMOS QUE VC CITA A OMISSÃO FAMILIAR NO COMEÇO DE SEU DESENVOLVIMENTO PARA CUMPRIR O QUE VC PROMETE EM SUA INTRODUÇÃO, TODAVIA VC JA TINHA CITADO A MESMA FRASE (OMISSÃO FAMILIAR) NO FINAL DE SUA INTRODUÇÃO, TENTE TRAZER SINÔNIMOS, PARA NÃO TER PALAVRAS OU FRASES REPETIDAS NA SUA REDAÇÃO

Entende-se, diante desse cenário, que a busca por fugir da realidade é um dos agravantes da problemática. Em sua obra “modernidade líquida”, o sociólogo Zygmunt Bauman defende que a pós-modernidade é marcada por relações “líquidas”, ou seja, efêmeras, e cada vez mais flexíveis. Sob essa ótica, percebe-se um maior sentimento de insegurança nos indivíduos, o que torna compreensível o uso de bebidas alcoólicas por parte dos brasileiros, já que, os sentimentos bons causados pela ingestão do álcool, dão às pessoas, sentimentos muito melhores do que os encontrados em estado de sobriedade.
Dessa forma, é imprescindível que soluções devam ser aplicadas, de modo a reverter esse quadro.

D2=BOM REPERTÓRIO SÓCIO CULTURAL, OBSERVAMOS QUE VC UTILIZAR UMA CITAÇÃO CORINGA E TORNA ELA BASTANTE PRODUTIVA, NO ENTANTO, TENTE ENCAIXA UM CONECTIVO NO COMEÇO

É preciso, portanto, superar a gênese do alcoolismo na sociedade brasileira. Logo, cabe ao (estado=AGENTE) — (como assegurador dos direitos sociais=DETALHAMENTO) —, (criar palestras e propagandas em todos os veículos de midiáticos,=AÇÃO)( com o intuito de conscientizar o núcleo familiar acerca dos perigos que o álcool pode acarretar. = FINALIDADE) Além disso, o ministério da saúde deve oferecer tratamentos e acompanhamento psicológico aos dependentes. Espera-se com essas medidas, mitigar os impactos da adversidade.

PERCEBA QUE NA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO MAIS COMPLETA QUE VC MOSTROU,AINDA FALTOU O MEIO OU SEJA COMO ELE IRIA FAZER AQUELA AÇAO,
DICA: UTILIZE A PALAVRA (POR INTERMÉDIO OU POR MEIO DE) PARA PODE GARANTIR ESSE PONTO

ESPERO TER TE AJUDADO EM ALGUMA COISA :D
#79405
“O Amor por princípio, a ordem por base, o progresso por fim”. Esse lema positivista formulado pelo filósofo francês Auguste Comte, inspirou a frase “ordem e progresso” exposta na bandeira nacional. No entanto, o cenário desafiador vivenciado NA SOCIEDADE BRASILEIRA representa uma antítese à máxima do símbolo pátrio, uma vez que ,o alcoolismo ,na conjuntura atual , resulta na desordem e no retrocesso do desenvolvimento social. Nessa lógica, não só a omissão familiar, mas também o desejo de fugir da realidade intensificam o impasse.
É importante destacar, antes de tudo, a omissão da família na questão. Acerca disso, para Jean Piaget, psicólogo suíço, o núcleo parental assim como a escola tem papel fundamental quanto ao desenvolvimento intelectual dos menores, de modo que a ele também cabe o dever de estimular o aprendizado. No entanto, no século XXI, a parentela ainda delega a educação dos filhos a escola, omitindo-se enquanto primeira instituição social de sua responsabilidade em estimular efetivamente o afastamento das drogas, sejam elas ilícitas ou não. Logo, ao passo que vai de encontro com o que propõe Piaget, a família contribui para a formação de uma geração que desconhece os prejuízos obtidos através do consumo exacerbado de bebidas alcoólicas.
Entende-se, diante desse cenário, que a busca por fugir da realidade é um dos agravantes da problemática. Em sua obra “modernidade líquida”, o sociólogo Zygmunt Bauman defende que a pós-modernidade é marcada por relações “líquidas”, ou seja, efêmeras e cada vez mais flexíveis. Sob essa ótica, percebe-se um maior sentimento de insegurança nos indivíduos, o que torna compreensível o uso de bebidas alcoólicas por parte dos brasileiros, já que, os sentimentos bons causados pela ingestão do álcool dão às pessoas sentimentos muito melhores do que os encontrados em estado de sobriedade. Dessa forma, é imprescindível que soluções devam ser aplicadas, de modo a reverter esse quadro.
É preciso, portanto, superar a gênese do alcoolismo na sociedade brasileira. Logo, cabe ao estadocomo assegurador dos direitos sociais —, criar palestras e propagandas em todos os veículos de midiáticos, com o intuito de conscientizar o núcleo familiar acerca dos perigos que o álcool pode acarretar. Além disso, o ministério da saúde deve oferecer tratamentos e acompanhamento psicológico aos dependentes. Espera-se com essas medidas, mitigar os impactos da adversidade. POR MEIO DE QUE ESSAS PALESTRAS SERÃO EFETIVADAS?

geoca PODE CORRIGIR MINHA RED PFVR?

Segundo a Constituição Federal de 19[…]

Sob a perspectiva do aclamado documentário […]

Diversas famílias no brasil sofrem o transt[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM