Avatar do usuário
Por Rayssalaa
Quantidade de postagens
#123633
A Constituição Federal de 1988, documento jurídico mais importante do país, prevê
em seu artigo 6 º, o direito a educação como inerente a todo cidadão brasileiro.
Conquanto, tal prerrogativa não tem se reverberado com ênfase, na prática quando se
observa o problema da violência nas escolas brasileiras dificultando, deste modo, a universalização desse direito social tão importante.
Diante dessa perspectiva, faz-se imperiosa a análise dos fatores que favorecem esse quadro.
Em uma primeira análise, deve-se ressaltar a ausência de medidas governamentais
para combater a base educacional lacunar. Nesse sentido a falta de um conteúdo voltando aos transtornos mentais na formação educacional brasileira possibilidade desenvolvimento de concepções preconceituosas. Essa
conjuntura, segundo as ideias do filósofo contratualista John Locke, configura-se como uma
violação do “contrato social”, já que o Estado não cumpre sua função de garantir que os
cidadãos desfrutem de direitos indispensáveis, como a educação, o que infelizmente é
evidente no país.
Ademais, é fundamental apontar a negligência do Estado, no que tange a segurança dos alunos, é um dos fatores que impedem esse processo. Nessa perspectiva, a escassez de projetos estatais que visem à assistência de segurança na sociedade contribui para a precariedade desse setor como impulsionado da negligência governamental no Brasil. Diante de tal exposto Logo, é inadmissível que esse cenário continue a perdurar.
Depreende-se, portanto, a necessidade de se combater esses obstáculos. Para isso, é
imprescindível que o ministério da educação, por intermédio de leis , implementação de campanhas adequada a sociedade, auxiliar as crianças, na proteção a favor que procure conscientizar as pessoas sobre esse grande problema social a fim de reduzir os crimes relacionados a violência nas escolas. Assim, tornar-se-á possível a construção de uma sociedade permeada pela efetivação dos elementos elencados na
Magna Carta.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
337 Exibições
por Crys2017
0 Respostas 
205 Exibições
por layane09
0 Respostas 
225 Exibições
por Bianca00
1 Respostas 
211 Exibições
por EmillyySilva
0 Respostas 
128 Exibições
por mclarand11
Violência nas escolas brasileiras
por gisilva    - In: Outros temas
0 Respostas 
46 Exibições
por gisilva
0 Respostas 
187 Exibições
por Lyh
0 Respostas 
117 Exibições
por oieanderson
0 Respostas 
220 Exibições
por Duah
0 Respostas 
107 Exibições
por Walterjr

Oi, studymalus . A demanda por correç&otil[…]

Saúde Mental Redação

Oi, RaphoBrabo . Mantenho minha dica sobre desdob[…]

Manipulação Dados Redação

Oi, RaphoBrabo . A demanda por correç&otil[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM