Avatar do usuário
Por LK1000
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#109027
O Brasil certamente é um país que tem muito pelo qual melhorar em relação à criação de leitores assíduos, que lêem por puro desejo e prazer, afinal, o hábito de debruçar-se sobre um livro não faz parte da rotina da maioria dos brasileiros. Desse modo, poucos são os que desfrutam dos benefícios oriundos da prática constante da leitura, como a aquisição de conhecimento e mais empatia com outras pessoas, entre outros.

Primeiramente, os livros são amplamente associados com o aprendizado de conhecimentos e informações, como os livros didáticos e técnicos de matérias escolares e da faculdade. Portanto, livros de autoajuda ou não-ficção são extremamente importantes para o desenvolvimento pessoal do leitor, no qual poderá aprender sobre assuntos relevantes, como investimentos, psicologia e ciências em geral, além de ter a possibilidade de desenvolver uma nova habilidade como a oratória, tema no qual aborda o livro “Como Falar em Público e Influenciar Pessoas”, de Dale Carnegie.

Em segundo caso, a empatia é uma característica crucial para os relacionamentos pessoais, consiste em ter mais sensibilidade em se colocar no lugar do outro. Desta forma, livros com narrativas emocionantes e trágicas, nas quais os personagens passam por situações difíceis e complicadas, como o clássico “Os miseráveis”, de Victor Hugo, ou livros com histórias reais como “O Diário de Anne Frank”, despertam e desenvolvem essa habilidade.

Portanto, para criar-se uma sociedade mais qualificada e “humana”, os livros seriam uma ótima ferramenta, para esse objetivo. Com isso, o Governo deveria incentivar mais essa prática, por meio de projetos educacionais literários e disponibilização de obras dos mais diversos assuntos em pequenas comunidades, construindo bibliotecas, caso não tenha. Desse modo, todos seriam beneficiados e, contudo, crescer como nação.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
123 Exibições
por SUPERGABIRU
O poder de transformação da leitura
por Samanth44    - In: Outros temas
0 Respostas 
97 Exibições
por Samanth44
0 Respostas 
33 Exibições
por Maria3030
1 Respostas 
426 Exibições
por Akame
0 Respostas 
88 Exibições
por rfelipeneto
0 Respostas 
82 Exibições
por DudxLima
6 Respostas 
371 Exibições
por Theuzim99
0 Respostas 
38 Exibições
por yasmincorbi
Os contrastes da transformação dos bancos
por Abimeleque    - In: Outros temas
0 Respostas 
115 Exibições
por Abimeleque
5 Respostas 
136 Exibições
por besourokafka

Crítico. Tolerante. Consciente. Esperan&cce[…]

Desde o período antigo, filósofos co[…]

O trabalho sempre foi alvo de uma suposta valoriza[…]

Como tudo no mundo, os recursos tecnológico[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM