Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#50848
De acordo com a Constituição Federal de 1988, também conhecida como "Cidada", é dever do Estado garantir uma educação de qualidade. Conquanto, tal prerrogativa não tem se reverberado com ênfase quando observa-se que a internet - meio capaz de auxiliar no aprendizado do aluno não está sendo utilizada. Com efeito, faz-se imperiosa a análise do papel da tecnologia na formação educacional do brasileiro.
Em primeiro lugar, deve-se ressaltar que a falta de verbas destinadas a preparação das escolas é alarmante. Essa conjuntura segundo as ideias do filósofo John Locke, configura-se como uma violação do "Contrato Social", já que o Estado não cumpre sua função de garantir que os cidadãos desfrutem de direitos indispensáveis. Dessa forma, é imprescindível que medidas sejam tomadas.
Ademais, a desigualdade social pode ser apontada como impulsionadora do problema. Segundo o filósofo Immanuel Kant, "O homem não é nada além daquilo que a educação faz dele". Sob tal óptica, torna-se importante o papel da tecnologia na formação educacional, pois ela serve como um meio de aperfeiçoamento do corpo social. Logo, é inadmissível que a tecnologia não abranja de forma ampla todas as classes sociais no que diz respeito à sua formação .
Depreende-se, portanto, a necessidade de se combater esses obstáculos. Para isso, o Governo Federal - órgão responsável por regrar e organizar o país, deve investir na formação educacional do brasileiro, por intermédio de políticas públicas, outra medida a ser tomada pelo mesmo, é a criação de um projeto chamado "Tecnologia para Todos", afim de abranger todas as classes sociais. Assim, a problemática será amenizada e o Estado cumprirá corretamente seu " Contrato Social", tal como afirma John Locke.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#50885
De acordo com a Constituição Federal de 1988, também conhecida como "Cidadã", é dever do Estado garantir uma educação de qualidade. Conquanto, tal prerrogativa não tem se reverberado com ênfase quando observa-se que a internet - meio capaz de auxiliar no aprendizado do aluno não está sendo utilizada. Com efeito, faz-se imperiosa a análise do papel da tecnologia na formação educacional do brasileiro.

Em primeiro lugar, deve-se ressaltar que a falta de verbas destinadas a preparação das escolas é alarmante. Essa conjuntura segundo as ideias do filósofo John Locke, configura-se como uma violação do "Contrato Social", já que o Estado não cumpre sua função de garantir que os cidadãos desfrutem de direitos indispensáveis. Dessa forma, é imprescindível que medidas sejam tomadas.
* Pouca argumentação, precisa aprofundar mais

Ademais, a desigualdade social pode ser apontada como impulsionadora do problema. Segundo o filósofo Immanuel Kant, "O homem não é nada além daquilo que a educação faz dele". Sob tal óptica, torna-se importante o papel da tecnologia na formação educacional, pois ela serve como um meio de aperfeiçoamento do corpo social. Logo, é inadmissível que a tecnologia não abranja de forma ampla todas as classes sociais no que diz respeito à sua formação .

[colocar o conectivo primeiro] Depreende-se, portanto, a necessidade de se combater esses obstáculos < generalizou muito, procure retomar o tema]. Para isso, o Governo Federal - órgão responsável por regrar e organizar o país -, deve investir na formação educacional do brasileiro, por intermédio de políticas públicas, outra medida a ser tomada pelo mesmo, é a criação de um projeto chamado "Tecnologia para Todos", a fim de abranger todas as classes sociais. Assim, a problemática será amenizada e o Estado cumprirá corretamente seu " Contrato Social", tal como afirma John Locke.
* Intervenção completa
#51065
Alguns erros são por causa que eu escrevo as redações e depois que passo pra cá, aí no final eu nem vi que algumas palavras saíram sem o acento e algumas saíram juntas. No 1° d, eu não prestei atenção na hora e acabei esquecendo de escrever uma frase que era antes da frase "Essa conjuntura..."

Uma vez que o sistema carcerário brasileiro[…]

Na sociedade atual,tem sido bastante discutido sob[…]

No livro “O futuro da humanidade” de A[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM