Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#59280
Todos sabem o quão é importante ter uma vida saudável, ainda mais quando se refere a saúde mental. Pois sabe-se que para adquirir essa dádiva, é preciso estar em harmonia entre corpo e mente. Entretanto, a maioria das pessoas não conseguem equilibrar isso. E quanto menos apoio recebem, mais a situação piora. No Brasil, isso ocorre comumente e isso é um dos motivos para que o país seja o líder na lista dos países mais depressivos do mundo. Mas quais outros aspectos impactam na saúde mental da população?
A priori, destaca-se o preconceito advindo do passado para a contemporaneidade em relação ao que se designa "doença mental". Pois antes, pessoas que demonstravam sintomas de transtornos, como, por exemplo, ansiedade e depressão, eram excluídas da sociedade e, muitas vezes, assassinadas. E não se pode esquecer que a ansiedade (transtorno mental mais frequente entre os brasileiros) só foi considerada um transtorno no século 19. Ou seja, a maioria dos avós e pais, crescerem acreditando nessa ideia de que pessoas depressivas são loucas e se deve manter um distanciamento. Isso fica evidente o porquê os depressivos se isolam, sentem medo da rejeição.

Ademais, ainda não existe muitas instituições públicas que abarquem toda a população. Também, é necessário que haja mais informações sobre esses transtornos, porque muitas vezes, haters(pessoas que propagam ódio na internet) usam a internet como ferramenta para atacar influencers( pessoas que trabalham com conteúdo nas redes sociais), que a maioria são mulheres. Segundo dados da OMS(Organização Mundial da Saúde) de 2017, mais de 11,5 milhões de brasileiros têm depressão e o número dos casos femininos são 30% maior que o masculino. Isso ocorre por causa da pressão estética que o público impõe.
Por fim, o Governo Federal junto com o Ministério da Saúde, deve promover ações de políticas públicas, por meio de projetos que acolham as pessoas ansiosas, para que elas possam ser acompanhadas por profissionais da área, em sessões de conversas relaxantes toda semana, principalmente em zonas periféricas. Outrossim, cabe o Ministério da Saúde realizar propagandas informativas incluindo dados estatísticos, falando como acontece e onde se pode ter orientação médica. Assim, com uma sociedade conscientizada e tendo acesso ao acompanhamento surgiria um efeito positivo em relação ao preconceito estrutural.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

A pandemia de negacionismo no mundo

Sob a perspectiva histórica, é fato[…]

Em uma sociedade onde ler se tornou tedioso, utili[…]

• O Aumento dá violência contra […]

Akirakun18 , Andree Desculpa te incomodar,mas […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM