• Avatar do usuário
#67816
A depressão é uma doença psiquiátrica que causa, principalmente, alterações de humor, tristeza profunda, diminuição de prazer em realizar atividades do cotidiano e outros sintomas com manifestações físicas, podendo levar o indivíduo à tentativa de suícidio. Tendo em vista que é de suma importância cuidar da saúde mental, na prática as doenças mentais são alvo de discriminação, desinformação e tratamento inadequado. Dessa forma, a discussão acerca do tema deve ser amplamente transmitida e ações precisam ser aplicadas para a melhoria do processo de assistência de pessoas que apresentam algum transtorno.
É de fundamental importância que informações a respeito de problemas psicológicos sejam abordadas nas instituições sociais para orientar, esclarecer dúvidas e oferecer apoio. A fim de exemplificar: em ambientes de trabalho, dados recentes afirmam que 49% dos trabalhadores já tiveram crise de ansiedade e 44% sofreram com esgotamento mental, segundo a pesquisa realizada pela Talenses, uma empresa de recrutamento. Por isso, as empresas precisam estar atentas ao bem-estar dos funcionários e desenvolver práticas que estimulem um local de trabalho saudável e harmonioso.
Além disso, cabe destacar que os grupos impactados enfrentam dificuldades na qualidade do serviço, uma vez que os investimentos na saúde pública brasileira são baixos, evidenciando os dados divulgados pela OMS (Organização Mundial da Saúde) em 2017 no qual o Brasil lidera entre os países mais depressivos da América Latina. Em suma, a precariedade do sistema favorece a manutenção das consequências que impedem um convívio social e conforto satisfatório.
Portanto, com o objetivo de alterar o estigma associado às doenças mentais na sociedade brasileira, é dever do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação promover debates e campanhas online por meio das mídias sociais a fim de conscientizar a sociedade. Ademais, cabe ao Ministério da Saúde aplicar recursos em instituições e centros especializados , como o CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), para progredir no auxílio aos afetados por problemas mentais e garantir uma melhor condição de vida à sociedade brasileira.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Sabemos que a meritocracia na sociedade brasileira[…]

Olá! Alguém poderia me auxiliar por[…]

Frequentemente, comenta-se muito a respeito da que[…]

Sabemos que a meritocracia na sociedade brasileira[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM