• Avatar do usuário
#63490
Doenças mentais são condições de saúde que envolvem mudanças na emoção, pensamento ou comportamento que estão associadas a angústia ou em atividades sociais, no trabalho ou família. Portanto, na sociedade brasileira, a segregação de pessoas com doenças mentais ainda é visível socialmente. Neste contexto, vale uma análise na intolerância grupal é a negligência de serviços para a saúde mental.
Evidentemente, é de fato uma existência se exclusão com indivíduos que sofrem com doenças mentais. Isso por que, muitos veem esta problemática como uma forma de vitimismo a si mesmo. De acordo com a psicóloga Tatiane Paula Souza" O cérebro está no comando, mas ele não é valorizado como deveria. Quando ele não esta bem, nada mais vai está bem". Assim, isto expõe que perante a maioria da população trata de modo superficial a definição da doença por não ser uma enfermidade externa, assim como de exemplo um vírus ou uma gripe.
Além disso, a inexistência de serviços de saúde para estes infernos sucede num aumento absurdo de negligenciamento no País. O exemplo disso, é a do Paulista André Padilha que sofre de um autismo severo, a mãe de André solicitou juridicamente para que o poder público do município arcasse com os custos do tratamento, porém, o Tribunal de Justiça de São Paulo negou o pedido e afirmando que não tinha provas ineficácia do tratamento oferecido pela CAPS desde 2005. Só então em 2019, quando Profissão Reporte relatou sua história que surgiu duas clínicas particulares para prestar atendimento gratuito.
Dessa forma, medidas devem ser tomadas para o estigma associado às doenças mentais no Brasil. O Ministério de Saúde, por meio do poder Executivo, promover palestras em locais públicos com o intuito de conscientizar a todos a normalidade de conviver com estes indivíduos. Ademais, o poder Judiciário, por meio do Ministério da Saúde, fiscalizar locais pela escassez de favorecer atendimento adequado. Dessa maneira teremos um País mais igualitário principalmente na área da saúde.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Segundo o filósofo e matemático fra[…]

zgabiruLGD , Disponha!

Oiii alguém poderia corrigir minha reda&cc[…]

A fome em período de pandemia

Fome, palavras que para muitas pessoas trazem sent[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM