Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#54253
No contexto atual que estamos vivendo com a pandemia do novo coronavírus, tem sido muito abordado sobre os problemas a saúde física deixados pelo vírus, entretanto, pouco se tem discutido sobre as consequências do isolamento social para a saúde mental da sociedade. O número de pessoas com transtornos mentais aumentou consideravelmente durante a pandemia e junto deste problema caminha a psicofobia, que é o preconceito contra pacientes de transtornos psicológicos.
Em 2019 foi realizado uma pesquisa onde foi visto que 86% dos brasileiros possuía algum tipo de transtorno mental, número que aumentou consideravelmente após a pandemia. Pesquisadores da área da saúde apontam que houve crescimento de 50% a 90% no diagnóstico de pessoas com ansiedade, depressão e outras patologias psiquiátricas. A Organização mundial da saúde considera a área da saúde mental como negligenciada, pois recebe cerca de 2% do orçamento destinado a saúde, mesmo que quase 1 bilhão de pessoas sejam afetadas com doenças neurológicas e psiquiátricas. Em países que possuem baixa renda, mais de 75% das pessoas com transtornos mentais ou neurológicos, não recebem nenhum tratamento para sua condição.
Outro fato a ser abordado, é o número de casos de suicídio. No Brasil a cada 46 minutos uma pessoa tira a sua vida, e no mundo, a cada 40 segundos. Um dos fatores que levam essa quantidade de casos por dia é a psicofobia, pacientes com doenças mentais são taxados por loucos, o que acaba gerando um sentimento de vergonha da doença e os faz deixar de buscar tratamento. Segundo a OMS, a taxa de esquizofrenia não tratada no mundo é de 32%, no Brasil é de 58%, pois o estigma gera auto-estigma, o que dificulta o diagnostico e o tratamento correto. O preconceito surge na falta de informação, e muitas vezes pessoas que possuem preconceito com doenças mentais, sofrem de algum tipo transtorno e não sabem, pois segundo a OMS, saúde é o estado completo de bem-estar físico, mental e social e não somente a ausência da doença.
Diante do exposto, existem algumas medidas a serem tomadas, como realizar uma maior divulgação do setembro amarelo e de outras campanhas que abordem o tema saúde mental, pois dessa forma ajudaria a pessoas que possuem preconceito a terem mais informações e olharem com outros olhos para o assunto e também auxiliaria pessoas que sofrem de algum transtorno a procurarem ajuda. Reavaliar os custos investidos a área da saúde mental, pois muitas pessoas não possuem condições de pagar por seus tratamentos e cabe ao SUS de nosso país tratá-las de forma gratuita, e por fim, realizar a divulgação do disque 196, canal criado para que pessoas tenham atendimento referente a seus transtornos mentais, o mesmo começará a funcionar a partir de agosto de 2021. Realizando estas mudanças, conseguiríamos diminuir o estigma associado as doenças mentais e controlaríamos o número de pessoas afetadas por ele.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

No Brasil todos os tipos de violência contra[…]

Oii Iss, não consigo colorir aqui, ent&ati[…]

Na constituição Federal de 1988 no […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM