Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#54139
Garantir o pleno bem-estar de todos os indivíduos é uma meta da Agenda 30, formada por 159 países, que considera os transtornos depressivos como doença. No cenário brasileiro, especificamente, a falta de reconhecimento da depressão representa um grande desafio a ser combatido. Isso se evidencia não só pelas barreiras econômicas, que dificultam o acesso ao tratamento; mas também pelo pouco apoio dos familiares.

Primeiramente, é necessário destacar o não entendimento das entidades estatais acerca dos fatores socioeconomicos que empecilham a busca de um tratamento adequado à esses indivíduos. De acordo com o G1, portal de notícias, o valor de uma consulta, somado ao preço dos remédios, chega a custar 1 mil reais, situação essa que exclui tal camada social de possíveis tratamentos. É, pois, alarmante que o Brasil - país signatário dos objetivos de desenvolvimento humano para 2030 - deixe essa minoria em situação de vulnerabilidade.

Ademais, a ausência do apoio familiar pode levar o doente a suicidar-se. De forma semelhante, na série "13 Reasons Why", os pais da personagem Hanna Baker só descobriram o sofrimento que a garota teve, após seu suicídio, sendo essa uma característica comum que acontece nos lares. Dessa forma, é inaceitável que a família, embora seja a primeira instituição criadora de um indivíduo, possa ignorar os comportamentos demonstradores da infelicidade de um parente.

Portanto, o Ministério da Saúde deve criar medidas de acesso democrático ao tratamento da depressão por meio da gratuidade de consultas com a disponibilização de orientadores, psicólogos, medicamentos e outras ferramentas capazes de melhorar a saúde do indivíduo em questão. Espera-se com isso, promover o bem-estar dos pacientes e alcançar, em cenário nacional, as metas para o desenvolvimento humano para 2030.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Nos tempos atuais temos muita tecnologia e com el[…]

De acordo com o filósofo Oscar Wilde a ins[…]

Aleitamento materno no Brasil.

Olá, Beatriz19 , tudo bom? Então, n[…]

O desemprego em questão no Brasil

Na obra pré-modernista "Triste Fim de […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM