Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#53364
São Tomás de Aquino defendeu que todas as pessoas devem ser tratadas com a mesma importância. Contudo, o cenário brasileiro contraria o ponto de vista do filósofo, uma vez que pessoas com doenças mentais são vítimas de estigma e preconceito. Nessa perspectiva, percebe-se a configuração de um grave problema de contornos específicos, em virtude do silenciamento e da má influência midiatica.
Convém ressaltar, a princípio, que a invisibilização é um fator determinante para a persistência dos estigmas em relação às pessoas com doenças psiquiátricas. Nesse sentido, Schopenhauer traz uma contribuição ao defender que os limites do campo de visão das pessoas são determinados pelo entendimento a respeito do mundo. Com isso, observa-se que quando há um silenciamento, há a falta de informação e, assim as pessoas passam a agir de acordo com a sua visão de mundo, o que acham que é o certo e acabam atribuindo estigmas às pessoas com doenças mentais.
Além disso, a má influência da mídia é outro fator que dificulta a resolução de tal problemática. Conforme Pierre Bourdieu o que foi criado para ser instrumento de democracia não pode ser transformado em mecanismo de opressão. Sob essa lógica, as redes sociais e as mídias de massas ao invés de estabelecerem ambientes de inclusão e bem-estar dessas pessoas, fazem o contrário se tornando lugares de julgamento e opressão.
Portanto, urge que uma intervenção seja implantada. O Ministério da Saúde juntamente com ONG'S especializadas no assunto devem criar um projeto sobre doenças psiquiátricas, por meio da realização de rodas de conversas e palestras para toda a população, a fim de levar conhecimento e diminuir o invisibilização da problemática. Tal ação devem ser divulgada nos canais midiáticos e nas redes sociais dos realizadores, com intuito de reverter a má influência da midiática. Dessa forma, o Brasil se tornaria um exemplo para São Tomás de Aquino.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Aumento da mortalidade infantil

Posso, claro!

A constituição federal de 1988, docu[…]

A série " Bridgerton ", sucesso d[…]

É indiscutível que as doenças[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM