• Avatar do usuário
#52925
Na série “13 Reasons Why” da plataforma de streaming Netflix, a protagonista se vê num contexto suicida do qual as pessoas ao seu redor não percebem seu estado mental grave, o qual é entendido como “apenas drama”. De forma análoga, pode-se comparar a situação dessa protagonista com a realidade de muitos indivíduos com problemas psíquicos no Brasil, os quais na maioria das vezes são estereotipados pela sociedade a partir de conceitos populares que acabam por negligenciar o real perigo desses transtornos.

Conforme o conceito popular, “saúde mental” está associado a “doença mental”, a qual está ligada apenas a casos severos onde o indivíduo “perde a razão” ou “fica maluco”. Desta forma, transtornos recorrentes como depressão e ansiedade são tidos como “frescura” ou “apenas drama” de forma a não apresentar gravidade digna de atenção, no que contribui para o agravamento dessas doenças.

Segundo dados do site “zenklub.com”, cerca de 1 trilhão de dólares são perdidos como consequência dos transtornos mentais como depressão e ansiedade. Desta forma, nota-se que essas doenças possuem grande impacto econômico, no que se pode questionar a qualidade da atenção dada a esses problemas.

Em suma, é mister que para a “cura” desse estigma associado às doenças mentais é preciso uma intervenção por parte dos órgãos de saúde, de forma a promover campanhas e palestras de conscientização da população acerca da real gravidade dos transtornos psíquicos recorrentes, seus riscos e possibilidade de ajuda, com o objetivo de erradicar esse estereótipo criado na sociedade brasileira.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 170

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 150

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula de forma mediana as partes do texto com inadequações ou alguns desvios e apresenta repertório pouco diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora, de forma mediana, pouco consistente, proposta de intervenção relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto.

#65273
Concordo com o comentário da sofia, mas vou adicionar outros pontos.
Tente apresentar seus dois argumentos logo na introdução, além de desenvolver mais seus argumentos. No D1 faltou um repertório para dar embasamento, e o D2 faltou argumentar mais, como os transtornos mentais afetam a economia? com gastos públicos voltados aos tratamento?? ou essa pessoas não trabalham?? enfim não ficou muito bom.
Na intervenção tente esclarecer o agente, a ação, o meio, a finalidade e detalhamento . Ficou muito vago

Segundo o filósofo Immanuel Kant toda refor[…]

Intolerância religiosa no Brasil

A declaração Universal dos Direitos […]

Em meados de 1970, o mundo testemunhou a crise do […]

A cultura do assédio no Brasil

Na sociologia, quando nos referimos a cultura, est[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM