Avatar do usuário
Por rebeccafroio
Quantidade de postagens
#119738
A telenovela brasileira “Salve Jorge” (2012 – 2013) retrata sobre a temática do tráfico de pessoas, focando no turismo sexual, a qual jovens são recrutadas com a promessa de oportunidades de trabalho e de uma nova vida, mas, na realidade, são deparadas com a prostituição, violência e venda de seus corpos em casas noturnas e boates. Análogo ao cenário fictício, o assunto é recorrente na atualidade, não se limitando, inclusive, apenas ao turismo sexual, mas, também, na exploração do trabalho em condições equivalentes à escravidão, e em tantas outras formas de enriquecimento ilícito utilizando-se de outrem.

Afirmando a premissa de Hobbes “o homem é o lobo do homem”, o tráfico de pessoas é feito por pessoas para as pessoas que o consomem. À vista disso, em se tratando da temática do turismo sexual, de acordo com a CNN Brasil, a maior parte de suas vítimas são mulheres, sendo, ainda, 63% negras. Assim, fica evidente que, nesses casos, trata-se também de uma questão de gênero, por serem mulheres suas maiores vítimas; classe, já que estas são seduzidas com a proposta de uma vida melhor; e, por fim, cor, visto que mulheres negras representam a maior parte das vítimas.

Ainda, assim como as mulheres, os homens também sofrem com o tráfico de pessoas, correspondendo às principais vítimas para o trabalho escravo. Recentemente, através de uma operação, foi exposto ao público o caso de trabalho análogo à escravidão de mais de 200 homens em vinícolas do estado do Rio Grande do Sul (BR). Seus trabalhadores somente conseguiram efetuar a denúncia porque fugiram, ou seja, esse tipo de ilícito é muito organizado e bem articulado, de modo a dificultar sua descoberta.

Portanto, por se tratar de um assunto presente na sociedade contemporânea, o tráfico de pessoas deve ser combatido. Os agentes públicos, como a Polícia Federal juntamente ao Poder Judiciário, devem efetuar uma fiscalização mais eficiente de modo a ser possível a aplicação das devidas sanções aos criminosos. Todavia, medidas simples também podem ser tomadas pela população, como desconfiar de propostas de emprego fácil e lucrativo e de pessoas que prometem melhoras repentinas de vida, e é fundamental a divulgação dessas medidas tanto nas escolas como na mídia de modo a evitar a ignorância e o surgimento de mais vítimas do tráfico de pessoas.
NOTA GERAL (USUÁRIOS)
Sem
nota
Pontuar redação
NOTA AUTOMÁTICA (IA)
Sem
nota
Passe ilimitado
Comentários
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 1: Demonstrar domínio da norma da língua escrita.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.
Texto não corrigido

A Constituição Federal de 1988 assegura a todos os[…]

O artigo 4 da Declaração Universal dos Direitos Hu[…]

alguém poderia por favor corrigi-la? @Lauany25 @M[…]

O programa televisivo "Catalendas" con[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!