• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#68133
A Constituição Federal Brasileira, promulgada em 1988, garante em suas disposições, uma série de direitos sociais. No entanto, apesar de tal garantia, o que se percebe, na sociedade brasileira atual, é não plenitude dessa garantia na prática, visto que o aumento da criminalidade contra as crianças, tem sido desrespeitado pelo poder governamental em virtude de negligência governamental e falta de políticas públicas. Sob tal ótica, é imprescindível o debate e resolução dos impasses.

Primeiramente, é importante pontuar que o cantor Cazuza trouxe uma enorme contribuição social quando afirmou, na sua canção “o tempo não para", que constantemente o futuro repete o passado. Assim, percebe-se que a obra do cantor tem estreita relação com a temática, uma vez que tal fato não se é de agora, e que é duradouro. Com efeito, mesmo sabendo da herança histórica desse problema, o Estado é negligente não aprendendo com erros passados e permitindo que a população padeça com os corolários dessa lacuna, como cita Cazuza. Desse modo, é inegável que essa fato é uma das causas do revés.

Ademais, vale destacar a ideia de Aristóteles que afirmou que o objetivo principal da política é garantir a felicidade dos cidadãos. No entanto, percebe-se que essa tese do filósofo não se aplica a questão da delinquência juvenil, portanto, apesar de existir variadas beneficência, é ineficaz se não existir auxílios públicos e educação para tal fato. Assim, sem o comprometimento do poder estatal em aplicar políticas públicas para solucionar o impasse, percebe-se que a ideia de bem-estar, da qual defende o filósofo, não se materializa no país e, por isso, a resolução do cenário é praticamente utópica.

Portanto, fica evidente a necessidade de intervenção na criminalidade infanto-juvenil. Para tanto, o ministério da educação, deve criar um projeto, por meio das escolas e Universidades para combater a lacuna governamental sobre crimes juvenil. Tal projeto deve ser para todos e não somente estudantes, com palestras, divulgações nas mídias sociais e tendo pessoas que saíram da pobreza com os estudos, com a finalidade de minimizar o imbróglio.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 180

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 170

Você atingiu aproximadamente 90% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 140

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, de forma organizada, com indícios de autoria, ou seja, os argumentos, embora ainda possam ser previsíveis, estão organizados e relacionados de forma consistente ao ponto de vista defendido e ao tema proposto, e há indícios de autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 130

Você atingiu aproximadamente 70% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo parcialmente aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

#68289
Olá, @nicole284! Assim que possível eu passo aqui. Caso já tenham corrigido seu texto, apenas acrescento comentários que julgar necessários. :D
#68500
https://drive.google.com/file/d/15s0dXr ... sp=sharing

Fiz uma correção em vídeo kkkk :lol:
Perdão se falei algo errado e/ou interpretei algo errado!
Espero que dê para entender direitinho.

Ps: desculpe os barulhos externos, minha família é um pouco barulhenta :oops:
Eu não gosto muito da minha voz, então se você não gostar eu te entenderei :lol:

Espero que consiga acessar. Qualquer coisa me fale!
A exploração trabalhista

A constituição federal de 1988[1], d[…]

EmillyySilva poderia me ajudar a corrigir essa r[…]

igualdade a todos

A constituição federal de 1988, docu[…]

A obra da artista brasileira Tarsila do Amaral &ls[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM