Avatar do usuário
Por Bibi0980
Quantidade de postagens
#124496
De acordo com Mário Sérgio Portela, educar a papel da família. Porém, tal premissa não é verificada na realidade brasileira, que as crianças estão desenvolvendo ansiedade por passarem muito tempo na internet. Nessa perspectiva, em um problema grave, em virtude da falta de ausência dos pais e a proteção das crianças. Nesse cenário, Primeiramente, a falta de ausência dos pais mostra-se um complexo dificultador. Segundo o site Estadão, pais que ficam on-line demais, criam os filhos com o mesmo problema. Tal afirmação é no “ O acesso da criança a internet e a redes sociais ocorre de maneira cada vez mais precoce “, visto que seus filhos crescem vendo seus pais na internet e adotam o mesmo hábito. Assim as crianças acabam sentindo falta dos seus pais. Além disso, é coerente apontar que a proteção das crianças impacta a questão. Para o Ministério Público federal é importante a iniciativa conjuntas entre o poder público, empresas de internet e as famílias na proteção de crianças contra crimes cibernéticos. Essa perspectiva está presente no acesso precoce das crianças à internet, uma vez que pais não verificam que seus filhos estão assistindo. Desse modo, as crianças acabam assistindo conteúdos impróprios pelo fato das empresas de internet não colocarem restrição em certos conteúdos. Portanto, faz-se necessário uma intervenção. Para isso, o governo deve criar um sistema que proíbe as crianças acessarem conteúdos impróprios, por meio de acordo com empresas de Internet, afim de reverter a falta de ausência dos pais. Paralelamente, é preciso intervir sobre a proteção das crianças. Dessa forma, que a família saiba educar seus filhos.
NOTA GERAL (USUÁRIOS)
Sem
nota
Pontuar redação
NOTA AUTOMÁTICA (IA)
Sem
nota
Passe ilimitado
Comentários
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 1: Demonstrar domínio da norma da língua escrita.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.
Texto não corrigido
COMPETÊNCIA 5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.
Texto não corrigido

A Constituição Federal de 1988 assegura a todos os[…]

O artigo 4 da Declaração Universal dos Direitos Hu[…]

alguém poderia por favor corrigi-la? @Lauany25 @M[…]

O programa televisivo "Catalendas" con[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!