Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#56130
É muito comum escutarmos a clássica pergunta "você sabe com quem está falando?" quando o assunto é carteirada. Visto que, atualmente tal atitude se tornou cultural e hierárquica, sendo essas o massivo uso de poder das autoridades ao cidadão. Algo lamentável, mas que vem acontecendo frequentemente nos dias de hoje revelando as desigualdades entre sociedades de maneira muito clara e o aumento de abuso de autoridade drasticamente.
           Segundo o pensador Lúcio Kwayela, importante pensador, defende que a maldade humana tem apenas uma motivação: a busca insana pela superiodade. É notório, encontrar-se a sensação de superioridade inserida na realidade brasileira, ja que, muitas vezes, essa mentalidade individualista interfere diretamente em decisões profissionais, tendo como facilitador o abuso de autoridade, o qual prejudica outras pessoas da esfera profissional obtendo uma dificuldade referente à resolução desse impasse de caráter histórico.
            Paralelo a isso, torna-se mais difícil de explicar um costume, ainda mais quando ele é revelador de uma sociedade egoista. A respeito disso, Émile Durkheim, um notório sociólogo, afirma que nosso egoísmo é, em grande parte, produto da sociedade. Expondo como a sociedade mantém um padrão de pensamento e comportamento comum, mesmo que cada indivíduo possua seus valores pessoais, ou seja, mesmo como indivíduos irão agir de acordo com uma consciência coletiva. Certamente, podendo ter relação à desigualdade a qual é um processo existente dentro das relações da sociedade.
       Diante do exposto, cabe ao Estado-órgão responsável pelo bem-estar da população o dever de obter maior compreensão sobre as diferenças entre grupos étnicos, por meio do encerramento das diferenças salariais exorbitantes as quais ampliam esse problema, saber dosar em constante equilíbrio o trabalho e a educação, entre outros. Para que assim não só a carteirada, mas também a desigualdade e o abuso de autoridade diminuam constantemente para uma melhora coletiva entre o país e a população.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

No livro "Utopia" de Thomas More, &eacut[…]

No livro "Utopia" de Thomas More, &eacut[…]

Segundo o grande líder do movimento dos dir[…]

A declaração universal dos direitos […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM