Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
#41155
Direito à moradia, um dos direitos universais que é aceito em todo o mundo, que
está presente nos direitos humanos. Trazendo para o Brasil, muitos moradores de rua,
que não tem um local para morar, ficam nas ruas passando fome, frio e outros problemas.
Tendo em vista, que essa problemática acabou se tornando uma questão social
preocupante, esses mendigos sofrem descriminação oriunda do Estado, e da População
em geral que os tratam como inferiores, não aceitando sua inclusão na sociedade.
Em primeira instância, os motivos que leva um mendigo a está nas ruas são
muitos, tendo em vista como, vicio em drogas, problemas familiares, falta de emprego
entre outros. Segundo o Ipea (Instituto de Pesquisa Economia Aplicada) estimasse que no
Brasil tem mais de 101 mil moradores de rua, pesquisa realizada em 2015. Uma
problemática inaceitável, o Estado não está tomando as devidas providências,
acarretando no aumento de doenças, devido à falta de saúde e higienização e a fome.
Em segunda instância, o desprezo da População para com esses moradores,
acontece de forma brutesca. População os tratam como seres invisíveis, ignorando a sua
existência. Em muitos casos esses devidos esmoladores, já estarem na rua pelo fato de
serem viciados em bebidas, ou em drogas, necessitam da ajuda das autoridades
competentes. No Espirito Santo, moradores de ruas pedem “parem de nos matar” noticia
lançada no site Gazeta. A falta de amparo por parte do Estado e a “higienização” vinda de
uma parte da população, em que estão colocando fogo, ou atirando em sacomano, devido
a essa visão higienista, que esses seres humanos estão nas ruas porque querem é não
porque passam fome, não tem emprego ou moradia, por esse e outros motivos estão
sendo eliminados da sociedade.
Destarte, cabe ao Governo Federal – responsável por administrar os interesses
públicos em todo território nacional – em parceria com Prefeituras Municipais e Estaduais,
realizarem a construção de abrigos para acolher esses moradores de ruas, dando o
mínimo que está na presente nos direitos humanos, direito a saúde, moradia, alimentação
é ao bem-estar. Assim, esses indivíduos poderão ter condições de saúde mental e física
melhores. Transformando assim, a vida desses esmoladores, dando mais uma chance de
estudo e trabalho, para que possam novamente retornar a população em que eles foram
excluídos.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

A série estadunidense Grey’s Anatomy […]

Em um episódio da série Grey's Anato[…]

Muito obrigado pela correção e dicas[…]

No decorrer do tempo houve diversas epidemias, o q[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM