Página 1 de 1

Marinha do Brasil: decisiva no passado, pronta para o futuro

Enviado: 19 Ago 2020 15:38
por LeandroF
A Marinha do Brasil (MB) foi criada no contexto histórico da Guerra de Independência com a justificativa de se evitar a secessão do país. Atualmente, em decorrência da exponencial evolução tecnológica, a Instituição busca a modernização dos meios navais, não apenas para a defesa da Pátria, como também para a prática de ações subsidiárias junto à sociedade.

Primeiramente, vale frisar o papel decisivo da Marinha do Brasil na consolidação dá Independência em 1822. A MB foi um mecanismo importante para limpar a costa brasileira da presença dos portugueses, e, além disso, para expulsar aqueles que não aceitavam a emancipação política da então colônia dos lusitanos. Além do mais, nas décadas seguintes a recém-criada Força Naval lutou bravamente nos conflitos e rebeliões que marcaram a história.

No decorrer de séculos, consequente às evoluções da Ciência e da Tecnologia, a Marinha passou por diversos reaparelhamentos. Nos dias de hoje, para se manter no patamar evolutivo alcançado, é inegável o investimento maciço em meios navais modernos. Desse modo, para permanecer garantindo a defesa e o controle do território nacional, torna-se indispensável uma Esquadra pronta e capacitada, tanto no aspecto pessoal quanto no material.

Por último, não menos importante, destaca-se, dentre tantas atribuições que compete à Marinha do Brasil, a ação subsidiária prevista na legislação em vigor. O ato de servir à Nação fica flagrante nas operações de assistência hospitalar às populações ribeirinhas na Amazônia e no Pantanal. Com isso, a MB no apoio humanitário em regiões de difícil acesso e desprovidas de políticas sociais.

Diante do exposto, fica evidente a relevância da Marinha do Brasil na remota história naval e na atualidade. É essencial considerar, portanto, que na atual era tecnológica é importante ter uma Esquadra sempre modernizada e pronta para os desafios do futuro.