• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#73890
Na série "Euphoria", presente no catálogo da HBO, a personagem Cassie é vítima de constantes assédios por parte de seus colegas, o que, consequentemente, afeta as relações pessoais da jovem. Fora da ficção, sobretudo no Brasil, casos como o de Cassie são frequentes, uma vez que a cultura do assédio ainda é um problema na contemporaneidade. Nesse viés, precisa-se analisar não somente a negligência governamental no que tange ao assédio, mas também a alienação da população com o problema.

Nesse contexto, é essencial destacar que a inoperância estatal influencia substancialmente na manutenção do assédio da atualidade. Nessa lógica, o filósofo iluminista John Locke desenvolveu o conceito de Contrato Social, em que o Estado seria responsável pelo bem-estar coletivo. Entretanto, é notório que a máquina administrativa rompe a tese de Locke no cenário hodierno, pois não proporciona investimentos em programas que tencionem o problema – como a criação de projetos que ajudem as vítimas de assédio –, contribuindo, dessa forma, para a perpetuação da cultura do assédio na sociedade contemporânea. Assim, fica evidente a ineficácia do Poder Público na resolução dessa conjuntura caótica.

Ademais, a alienação da população apresenta-se como outro desafio da problemática. Nesse sentido, segundo o musicólogo Vladimir Jankélévitch, o homem moderno possui uma cegueira ética, ou seja, é passivo frente aos impasses enfrentados pelo próximo. De maneira análoga, percebe-se que a manutenção do assédio encontra um alicerce na estagnação social. Essa situação ocorre porque, infelizmente, a sociedade não se movimenta em prol da erradicação desse impasse, pelo contrário, ela adquire uma posição individualista, por não mensurar as consequências que o assédio traz consigo, como os problemas psicológicos.

Portanto, medidas são necessárias para resolver essa situação. Cabe ao Congresso Nacional, por meio de investimentos, os quais serão ofertados através de mudanças na Lei de Diretrizes Orçamentárias, promover campanhas publicitárias, com a finalidade de divulgar as consequências do assédio na atualidade e conter a disseminação desse problema no corpo social brasileiro. Assim, o Estado protegerá, de fato, seus filhos contra casos de assédio, como o de Cassie.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 194

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 189

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 194

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 183

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#73981
INTRODUÇÃO

Na série "Euphoria", presente no catálogo da HBO, a personagem Cassie é vítima de constantes assédios por parte de seus colegas, o que, consequentemente, afeta as relações pessoais da jovem. Fora da ficção, sobretudo no Brasil, casos como o de Cassie são frequentes, uma vez que a cultura do assédio ainda é um problema na contemporaneidade. Nesse viés, precisa-se analisar não somente a negligência governamental no que tange ao assédio, mas também a alienação da população com o problema.

• INTRODUÇÃO IMPECÁVEL!!!

DESENVOLVIMENTO 1

Nesse contexto, é essencial destacar que a inoperância estatal influencia substancialmente na manutenção do assédio da atualidade. Nessa lógica, o filósofo iluminista John Locke desenvolveu o conceito de Contrato Social, em que o Estado seria responsável pelo bem-estar coletivo. Entretanto, é notório que a máquina administrativa rompe a tese de Locke no cenário hodierno, pois não proporciona investimentos em programas que tencionem o problema – como a criação de projetos que ajudem as vítimas de assédio –, contribuindo, dessa forma, para a perpetuação da cultura do assédio na sociedade contemporânea. Assim, fica evidente a ineficácia do Poder Público na resolução dessa conjuntura caótica.

• Excelente! Eu apenas trocaria "inoperância" por "negligência"

DESENVOLVIMENTO 2

Ademais, a alienação da população apresenta-se como outro desafio da problemática. Nesse sentido, segundo o musicólogo Vladimir Jankélévitch, o homem moderno possui uma cegueira ética, ou seja, é passivo frente aos impasses enfrentados pelo próximo. De maneira análoga, percebe-se que a manutenção do assédio encontra um alicerce na estagnação social. Essa situação ocorre porque, infelizmente, a sociedade não se movimenta em prol da erradicação desse impasse, pelo contrário, ela adquire uma posição individualista, por não mensurar as consequências que o assédio traz consigo, como os problemas psicológicos.

• Argumentação ótima, amei o repertório! A "Atitude Blasé" também encaixaria perfeitamente nesse parágrafo.

CONCLUSÃO

Portanto, medidas são necessárias para resolver essa situação. Cabe ao Congresso Nacional, por meio de investimentos, os quais serão ofertados através de mudanças na Lei de Diretrizes Orçamentárias, promover campanhas publicitárias, com a finalidade de divulgar as consequências do assédio na atualidade e conter a disseminação desse problema no corpo social brasileiro. Assim, o Estado protegerá, de fato, seus filhos contra casos de assédio, como o de Cassie.

• AGENTE: ✅
• AÇÃO:✅
• MEIO/MODO:✅
• DETALHAMENTO:✅
• FINALIDADE:✅

Que Redação perfeita!!!!! 😩

Não irei falar nada em relação a pontuação/acentuação porque eu sou péssima para perceber os mínimos erros.

COMP 1: 200

COMP 2: 200

COMP 3: 200

COMP 4: 200

COMP 5: 200

depois eu quero uma dicaskkkkkkkkk!
#73983
GabyyOliver escreveu:INTRODUÇÃO

Na série "Euphoria", presente no catálogo da HBO, a personagem Cassie é vítima de constantes assédios por parte de seus colegas, o que, consequentemente, afeta as relações pessoais da jovem. Fora da ficção, sobretudo no Brasil, casos como o de Cassie são frequentes, uma vez que a cultura do assédio ainda é um problema na contemporaneidade. Nesse viés, precisa-se analisar não somente a negligência governamental no que tange ao assédio, mas também a alienação da população com o problema.

• INTRODUÇÃO IMPECÁVEL!!!

DESENVOLVIMENTO 1

Nesse contexto, é essencial destacar que a inoperância estatal influencia substancialmente na manutenção do assédio da atualidade. Nessa lógica, o filósofo iluminista John Locke desenvolveu o conceito de Contrato Social, em que o Estado seria responsável pelo bem-estar coletivo. Entretanto, é notório que a máquina administrativa rompe a tese de Locke no cenário hodierno, pois não proporciona investimentos em programas que tencionem o problema – como a criação de projetos que ajudem as vítimas de assédio –, contribuindo, dessa forma, para a perpetuação da cultura do assédio na sociedade contemporânea. Assim, fica evidente a ineficácia do Poder Público na resolução dessa conjuntura caótica.

• Excelente! Eu apenas trocaria "inoperância" por "negligência"

DESENVOLVIMENTO 2

Ademais, a alienação da população apresenta-se como outro desafio da problemática. Nesse sentido, segundo o musicólogo Vladimir Jankélévitch, o homem moderno possui uma cegueira ética, ou seja, é passivo frente aos impasses enfrentados pelo próximo. De maneira análoga, percebe-se que a manutenção do assédio encontra um alicerce na estagnação social. Essa situação ocorre porque, infelizmente, a sociedade não se movimenta em prol da erradicação desse impasse, pelo contrário, ela adquire uma posição individualista, por não mensurar as consequências que o assédio traz consigo, como os problemas psicológicos.

• Argumentação ótima, amei o repertório! A "Atitude Blasé" também encaixaria perfeitamente nesse parágrafo.

CONCLUSÃO

Portanto, medidas são necessárias para resolver essa situação. Cabe ao Congresso Nacional, por meio de investimentos, os quais serão ofertados através de mudanças na Lei de Diretrizes Orçamentárias, promover campanhas publicitárias, com a finalidade de divulgar as consequências do assédio na atualidade e conter a disseminação desse problema no corpo social brasileiro. Assim, o Estado protegerá, de fato, seus filhos contra casos de assédio, como o de Cassie.

• AGENTE: ✅
• AÇÃO:✅
• MEIO/MODO:✅
• DETALHAMENTO:✅
• FINALIDADE:✅

Que Redação perfeita!!!!! 😩

Não irei falar nada em relação a pontuação/acentuação porque eu sou péssima para perceber os mínimos erros.

COMP 1: 200

COMP 2: 200

COMP 3: 200

COMP 4: 200

COMP 5: 200

depois eu quero uma dicaskkkkkkkkk!
Muito obrigado pela correção, Gaby. Fico tão feliz que minha argumentação melhorou nas últimas redações. Eu também prefiro usar "negligência", mas eu já tinha acabado de usar no fim da introdução, então fiquei com medo de ser penalizado devido à repetição da palavra. Obrigado pela dica da "atitude Blasé", irei pesquisar sobre esse repertório. Seus textos já são perfeitos, mas se quiser dicas pode me procurar, tentarei ajudar kkkkk
#74018
Cleverson escreveu:@hel0oooo Oi, tudo bem? Você poderia corrigir?
Oiii, como vai?? Como a Gaby observou, sua redação está muito bem feita. Você fez ótimo uso dos repertórios, soube desenvolver os argumentos perfeitamente bem e a sua proposta de intervenção está impecável.
Senti falta apenas de um fechamento no D2, assim como você fez no D1 - embora algumas pessoas achem desnecessário, na minha opinião, faz toda a diferença na argumentação. Diria também que faltou um conectivo ali no comecinho da proposta, poderia ter usado "sendo assim", "para isso"...

É isso, como pôde perceber são apenas míseros detalhes e eu não acho que devem ser penalizados como desvios. Parabéns pela nota, continue treinando e conte comigo para o que precisar <3
#74022
hel0oooo escreveu:
Cleverson escreveu:@hel0oooo Oi, tudo bem? Você poderia corrigir?
Oiii, como vai?? Como a Gaby observou, sua redação está muito bem feita. Você fez ótimo uso dos repertórios, soube desenvolver os argumentos perfeitamente bem e a sua proposta de intervenção está impecável.
Senti falta apenas de um fechamento no D2, assim como você fez no D1 - embora algumas pessoas achem desnecessário, na minha opinião, faz toda a diferença na argumentação. Diria também que faltou um conectivo ali no comecinho da proposta, poderia ter usado "sendo assim", "para isso"...

É isso, como pôde perceber são apenas míseros detalhes e eu não acho que devem ser penalizados como desvios. Parabéns pela nota, continue treinando e conte comigo para o que precisar <3
Muito obrigado por corrigir. Eu precisei remover o fechamento do D2, pois não sobraria a quantidade de linhas necessárias para a conclusão, mas concordo que o fechamento deixaria o texto mais organizado. Ademais, com relação à conclusão, realmente, um conectivo teria deixado o texto mais coerente. Irei consertar esses pequenos detalhes nas próximas redações. Obrigado por suas dicas fantásticas <3.

Anabia15 , PFVRR CORRIGE MINHA REDAÇ&Atild[…]

Olá, thayolivb . Aqui está a corre&[…]

https://projetoredacaonota1000.com.br/combate-ao-a[…]

GabrielFelix obg💕

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM