• Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
  • Avatar do usuário
#77548
Na série “Z nation”, ambientada em um mundo apocalíptico, o planeta terra é atingido por um vírus zumbi que, por consequência, acaba destruindo todos as ferramentas populacionais, sobretudo e logicamente, a saúde pública. Fora das telas, a realidade é parecida, pois a Covid-19 vem
alastrando-se por toda extensão terrestre e, assim como ocorre de forma fictícia na série, acaba trazendo limitações na saúde, principalmente no Brasil, de modo que acaba prejudicando o SUS ( Sistema Único de Saúde ). Com isso, nota-se que as limitações desse sistema, no contexto pandêmico, são a infraestrutura precária dos hospitais e a insuficiente ação governamental, configurando sérios impasses.

Nessa perspectiva, urge salientar, em primeira análise, que os hospitais públicos brasileiros sofrem por carência de leitos, respiradores e outros suportes na pandemia. Acerca disso, na série americana “Grey's anatomy”, a equipe médica do Hospital Grey Sloam Memorial, localizado em Seattle, foi surpreendida e afetada devido à descoberta do novo coronavírus, uma vez que há uma carência maior de recursos em tal ambiente hospitalar para atuar sobre essa doença viral. Desse modo, é possível fazer uma analogia com os obstáculos vivenciados pelo SUS com a Covid-19, pois em decorrência da escassez de medicamentos, equipamentos e vacinas, tais redes hospitalares Sofrem com as limitações advindas do cenário pandêmico, o que acaba por prejudicar os médicos e principalmente os pacientes, em decorrência do impacto inesperado, como ocorre em “Grey's anatomy” . Logo, é imprescindível uma ação do Estado para minimizar os abalos da pandemia na saúde pública.

Além disso, em segundo plano, a governança brasileira hesita em agir para que esses desafios mostrados no sistema sejam diminuídos. Por conseguinte, o jornalista e dramaturgo irlandês, George Bernard Shaw, pontua que o progresso é impossível sem mudança; e aqueles que não conseguem mudar as suas mentes não conseguem mudar nada. Dessa forma, tal pensamento assemelha-se à questão do problemas sofridos pelo SUS com o novo corona vírus, visto que, enquanto o governo não mudar sua postura acerca das problemáticas que as pessoas encontram na saúde nesse contexto, os desafios impostos como o não uso de máscaras, a utilização da cloroquina como tratamento e o incentivo à diminuição de vacinação continuarão presentes no corpo social brasileiro. À vista disso, o poder público deve pronunciar-se com medidas de mudança.

Portanto, atitudes devem
Intermediar esse panorama. Por isso, cabe ao Ministério da Saúde — ramo do Estado responsável pela extensão da saúde brasileira — sanar os empecilhos vividos pelo SUS na pandemia da Covid-19, por meio da implementação de programas para melhorar as estruturas e materiais dos hospitais e postos de saúde, havendo um preparo para possíveis outras doenças virais além do coronavírus. Outrossim, é necessária uma maior difusão de conhecimento sobre os cuidados que devem ser seguidos numa época pandêmica, com objetivo de não sobrecarregar o Sistema Único de Saúde do país. Somente assim, a saúde pública não estará mais prejudicada, como acontece em “Z nation”.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra excelente domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro. Desvios gramaticais ou de convenções da escrita, neste nível, são aceitos somente como excepcionalidade e quando não caracterizam reincidência.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 200

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora excelente proposta de intervenção, detalhada, relacionada ao tema e articulada à discussão desenvolvida no texto. Trata-se de redação cuja proposta de intervenção seja muito bem elaborada, relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, abrangente e bem detalhada.

#77549
Deivid16 escreveu:Na série “Z nation”, ambientada em um mundo apocalíptico, o planeta terra é atingido por um vírus zumbi que, por consequência, acaba destruindo todos as ferramentas populacionais, sobretudo e logicamente, a saúde pública. Fora das telas, a realidade é parecida, pois a Covid-19 vem
alastrando-se por toda extensão terrestre e, assim como ocorre de forma fictícia na série, acaba trazendo limitações na saúde, principalmente no Brasil, de modo que acaba prejudicando o SUS ( Sistema Único de Saúde ). Com isso, nota-se que as limitações desse sistema, no contexto pandêmico, são a infraestrutura precária dos hospitais e a insuficiente ação governamental, configurando sérios impasses.

Nessa perspectiva, urge salientar, em primeira análise, que os hospitais públicos brasileiros sofrem por carência de leitos, respiradores e outros suportes na pandemia. Acerca disso, na série americana “Grey's anatomy”, a equipe médica do Hospital Grey Sloam Memorial, localizado em Seattle, foi surpreendida e afetada devido à descoberta do novo coronavírus, uma vez que há uma carência maior de recursos em tal ambiente hospitalar para atuar sobre essa doença viral. Desse modo, é possível fazer uma analogia com os obstáculos vivenciados pelo SUS com a Covid-19, pois em decorrência da escassez de medicamentos, equipamentos e vacinas, tais redes hospitalares Sofrem com as limitações advindas do cenário pandêmico, o que acaba por prejudicar os médicos e principalmente os pacientes, em decorrência do impacto inesperado, como ocorre em “Grey's anatomy” . Logo, é imprescindível uma ação do Estado para minimizar os abalos da pandemia na saúde pública.

Além disso, em segundo plano, a governança brasileira hesita em agir para que esses desafios mostrados no sistema sejam diminuídos. Por conseguinte, o jornalista e dramaturgo irlandês, George Bernard Shaw, pontua que o progresso é impossível sem mudança; e aqueles que não conseguem mudar as suas mentes não conseguem mudar nada. Dessa forma, tal pensamento assemelha-se à questão do problemas sofridos pelo SUS com o novo corona vírus, visto que, enquanto o governo não mudar sua postura acerca das problemáticas que as pessoas encontram na saúde nesse contexto, os desafios impostos como o não uso de máscaras, a utilização da cloroquina como tratamento e o incentivo à diminuição de vacinação continuarão presentes no corpo social brasileiro. À vista disso, o poder público deve pronunciar-se com medidas de mudança.

Portanto, atitudes devem
Intermediar esse panorama. Por isso, cabe ao Ministério da Saúde — ramo do Estado responsável pela extensão da saúde brasileira — sanar os empecilhos vividos pelo SUS na pandemia da Covid-19, por meio da implementação de programas para melhorar as estruturas e materiais dos hospitais e postos de saúde, havendo um preparo para possíveis outras doenças virais além do coronavírus. Outrossim, é necessária uma maior difusão de conhecimento sobre os cuidados que devem ser seguidos numa época pandêmica, com objetivo de não sobrecarregar o Sistema Único de Saúde do país. Somente assim, a saúde pública não estará mais prejudicada, como acontece em “Z nation”.
@Gi69
#77695
Oi, @Deivid16! Tudo bem?

Antes de tudo, ressalto que seu texto está muito bom, mas caberia na folha de redação ? Aconselho ser mais breve na introdução - colocando tudo o que precisa nela, claro. Tente substituir expressões longas por outras mais curtas e de mesmo sentido.

CORREÇÃO MODELO ENEM

COMPETÊNCIA 1

LEGENDA:
ERRO
CORREÇÃO
REPETIÇÃO
COMENTÁRIO

Na série “Z nation”, ambientada em um mundo apocalíptico, o planeta terra Terra é atingido por um vírus zumbi que, por consequência, acaba destruindo todos as ferramentas populacionais, sobretudo e logicamente < EU DEIXARIA SÓ 'SOBRETUDO' OU SÓ 'LOGICAMENTE'. NÃO QUE ESTEJA ERRADO, MAS JÁ POUPARIA ESPAÇO E NÃO DARIA MUITA DIFERENÇA. , a saúde pública. Fora das telas, a realidade é parecida, pois a Covid-19 vem
alastrando-se por toda extensão terrestre e, assim como ocorre de forma fictícia na série, acaba trazendo limitações na saúde, principalmente no Brasil, de modo que acaba < repetição prejudicando o SUS ( Sistema Único de Saúde ). Com isso, nota-se que as limitações desse sistema, no contexto pandêmico, são a infraestrutura precária dos hospitais e a insuficiente ação governamental, configurando sérios impasses.

EXCELENTE!

Nessa perspectiva, urge salientar, em primeira análise, < REDUZA ESTAS EXPRESSÕES. SUGESTÃO: 'Nessa perspectiva, urge salientar ' que os hospitais públicos brasileiros sofrem por carência de leitos, respiradores e outros suportes na pandemia. Acerca disso, na série americana “Grey's anatomy”, a equipe médica do Hospital Grey Sloam Memorial, localizado em Seattle, < EXAGERO DIZER ISSO TUDO. UMA INFORMAÇÃOZINHA SÓ SOBRE O HOSPITAL JÁ ESTÁ ÓTIMO foi surpreendida e afetada < SÓ 'afetada' JÁ ESTÁ BOM devido à descoberta do novo coronavírus, uma vez que há uma carência maior de recursos em tal ambiente hospitalar para atuar sobre essa doença viral. Desse modo, é possível fazer uma analogia com os obstáculos vivenciados pelo SUS com a Covid-19, pois em decorrência da escassez de medicamentos, equipamentos e vacinas, tais redes hospitalares Sofrem < POSSÍVEL ERRO DE DIGITAÇÃO com as limitações advindas do cenário pandêmico, o que acaba por prejudicar < 'o que prejudica' ESTÁ BOM os médicos e principalmente os pacientes, em decorrência do impacto inesperado, como ocorre em “Grey's anatomy” . Logo, é imprescindível uma ação do Estado para minimizar os abalos da pandemia na saúde pública.

TUDO QUE FALEI NESSE PARÁGRAFO FORAM MERAS SUGESTÕES. AMEI A FORMA COMO RELACIONOU A SÉRIE AO SUS. PARABÉNS!
AH, CUIDADO COM OS "RODEIOS". EXPRESSÕES LONGAS E DESNECESSÁRIAS SÓ OCUPAM ESPAÇO E DEIXAM O TEXTO CANSATIVO.


Além disso, em segundo plano, a governança brasileira hesita em agir, para que esses desafios mostrados no sistema sejam diminuídos. Por conseguinte, o jornalista e dramaturgo irlandês, George Bernard Shaw, pontua que o progresso é impossível sem mudança; e aqueles que não conseguem mudar as suas mentes não conseguem mudar nada. Dessa forma, tal pensamento assemelha-se à questão do problemas sofridos pelo SUS com o novo corona vírus, visto que, enquanto o governo Governo não mudar sua postura acerca das problemáticas que as pessoas encontram na saúde nesse contexto, os desafios impostos como o não uso de máscaras, a utilização da cloroquina como tratamento e o incentivo à diminuição de vacinação continuarão presentes no corpo social brasileiro. À vista disso, o poder público deve pronunciar-se com medidas de mudança. < achei redundante

EXCELENTE!

Portanto, atitudes devem
Intermediar intermediar esse panorama. Por isso, cabe ao Ministério da Saúde — ramo do Estado responsável pela extensão da saúde brasileira — sanar os empecilhos vividos pelo SUS na pandemia da Covid-19, por meio da implementação de programas para melhorar as estruturas e materiais dos hospitais e postos de saúde, havendo, assim, um preparo para possíveis outras doenças virais além do coronavírus. Outrossim, é necessária uma maior difusão de conhecimento sobre os cuidados que devem ser seguidos numa época pandêmica, com objetivo de não sobrecarregar o Sistema Único de Saúde do país. Somente assim, a saúde pública não estará mais prejudicada, como acontece em “Z nation”.

PERFEITO!

DEMAIS COMPETÊNCIAS
NÃO TENHO O QUE DIZER. AO MEU VER, SEU TEXTO ESTÁ ÓTIMO. A ÚNICA OBSERVAÇÃO QUE TENHO A FAZER É ESTA: CUIDADO PARA NÃO DESLIZAR NA C.4. REPETIÇÕES E RODEIOS PODEM TIRAR NOTA AQUI. NO ENTANTO, NO SEU TEXTO NÃO HÁ MUITAS REPETIÇÕES, NEM EXPRESSÕES REDUNDANTES. MAS CUIDADO, HEIN? PODERIA PERDER UM POUQUINHO DE NOTA AQUI.

ME PERDOE QUALQUER ERRO, AINDA ESTOU APRENDENDO

ESPERO TER AJUDADO! STRONG HUG!
#77707
Gi69 escreveu:Oi, @Deivid16! Tudo bem?

Antes de tudo, ressalto que seu texto está muito bom, mas caberia na folha de redação ? Aconselho ser mais breve na introdução - colocando tudo o que precisa nela, claro. Tente substituir expressões longas por outras mais curtas e de mesmo sentido.

CORREÇÃO MODELO ENEM

COMPETÊNCIA 1

LEGENDA:
ERRO
CORREÇÃO
REPETIÇÃO
COMENTÁRIO

Na série “Z nation”, ambientada em um mundo apocalíptico, o planeta terra Terra é atingido por um vírus zumbi que, por consequência, acaba destruindo todos as ferramentas populacionais, sobretudo e logicamente < EU DEIXARIA SÓ 'SOBRETUDO' OU SÓ 'LOGICAMENTE'. NÃO QUE ESTEJA ERRADO, MAS JÁ POUPARIA ESPAÇO E NÃO DARIA MUITA DIFERENÇA. , a saúde pública. Fora das telas, a realidade é parecida, pois a Covid-19 vem
alastrando-se por toda extensão terrestre e, assim como ocorre de forma fictícia na série, acaba trazendo limitações na saúde, principalmente no Brasil, de modo que acaba < repetição prejudicando o SUS ( Sistema Único de Saúde ). Com isso, nota-se que as limitações desse sistema, no contexto pandêmico, são a infraestrutura precária dos hospitais e a insuficiente ação governamental, configurando sérios impasses.

EXCELENTE!

Nessa perspectiva, urge salientar, em primeira análise, < REDUZA ESTAS EXPRESSÕES. SUGESTÃO: 'Nessa perspectiva, urge salientar ' que os hospitais públicos brasileiros sofrem por carência de leitos, respiradores e outros suportes na pandemia. Acerca disso, na série americana “Grey's anatomy”, a equipe médica do Hospital Grey Sloam Memorial, localizado em Seattle, < EXAGERO DIZER ISSO TUDO. UMA INFORMAÇÃOZINHA SÓ SOBRE O HOSPITAL JÁ ESTÁ ÓTIMO foi surpreendida e afetada < SÓ 'afetada' JÁ ESTÁ BOM devido à descoberta do novo coronavírus, uma vez que há uma carência maior de recursos em tal ambiente hospitalar para atuar sobre essa doença viral. Desse modo, é possível fazer uma analogia com os obstáculos vivenciados pelo SUS com a Covid-19, pois em decorrência da escassez de medicamentos, equipamentos e vacinas, tais redes hospitalares Sofrem < POSSÍVEL ERRO DE DIGITAÇÃO com as limitações advindas do cenário pandêmico, o que acaba por prejudicar < 'o que prejudica' ESTÁ BOM os médicos e principalmente os pacientes, em decorrência do impacto inesperado, como ocorre em “Grey's anatomy” . Logo, é imprescindível uma ação do Estado para minimizar os abalos da pandemia na saúde pública.

TUDO QUE FALEI NESSE PARÁGRAFO FORAM MERAS SUGESTÕES. AMEI A FORMA COMO RELACIONOU A SÉRIE AO SUS. PARABÉNS!
AH, CUIDADO COM OS "RODEIOS". EXPRESSÕES LONGAS E DESNECESSÁRIAS SÓ OCUPAM ESPAÇO E DEIXAM O TEXTO CANSATIVO.


Além disso, em segundo plano, a governança brasileira hesita em agir, para que esses desafios mostrados no sistema sejam diminuídos. Por conseguinte, o jornalista e dramaturgo irlandês, George Bernard Shaw, pontua que o progresso é impossível sem mudança; e aqueles que não conseguem mudar as suas mentes não conseguem mudar nada. Dessa forma, tal pensamento assemelha-se à questão do problemas sofridos pelo SUS com o novo corona vírus, visto que, enquanto o governo Governo não mudar sua postura acerca das problemáticas que as pessoas encontram na saúde nesse contexto, os desafios impostos como o não uso de máscaras, a utilização da cloroquina como tratamento e o incentivo à diminuição de vacinação continuarão presentes no corpo social brasileiro. À vista disso, o poder público deve pronunciar-se com medidas de mudança. < achei redundante

EXCELENTE!

Portanto, atitudes devem
Intermediar intermediar esse panorama. Por isso, cabe ao Ministério da Saúde — ramo do Estado responsável pela extensão da saúde brasileira — sanar os empecilhos vividos pelo SUS na pandemia da Covid-19, por meio da implementação de programas para melhorar as estruturas e materiais dos hospitais e postos de saúde, havendo, assim, um preparo para possíveis outras doenças virais além do coronavírus. Outrossim, é necessária uma maior difusão de conhecimento sobre os cuidados que devem ser seguidos numa época pandêmica, com objetivo de não sobrecarregar o Sistema Único de Saúde do país. Somente assim, a saúde pública não estará mais prejudicada, como acontece em “Z nation”.

PERFEITO!

DEMAIS COMPETÊNCIAS
NÃO TENHO O QUE DIZER. AO MEU VER, SEU TEXTO ESTÁ ÓTIMO. A ÚNICA OBSERVAÇÃO QUE TENHO A FAZER É ESTA: CUIDADO PARA NÃO DESLIZAR NA C.4. REPETIÇÕES E RODEIOS PODEM TIRAR NOTA AQUI. NO ENTANTO, NO SEU TEXTO NÃO HÁ MUITAS REPETIÇÕES, NEM EXPRESSÕES REDUNDANTES. MAS CUIDADO, HEIN? PODERIA PERDER UM POUQUINHO DE NOTA AQUI.

ME PERDOE QUALQUER ERRO, AINDA ESTOU APRENDENDO

ESPERO TER AJUDADO! STRONG HUG!
oiii, a quanto tempo kkk. O texto coube sim na folha. Essa é uma redação que eu já havia feito pra um concurso.

Anabia15 , PFVRR CORRIGE MINHA REDAÇ&Atild[…]

Olá, thayolivb . Aqui está a corre&[…]

https://projetoredacaonota1000.com.br/combate-ao-a[…]

GabrielFelix obg💕

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM