• Avatar do usuário
#80387
No filme as vantagens de ser invisível, o personagem principal, Charlie, encontra nos livros não só conhecimento, mas uma forma de fugir da realidade na qual vive, em que o garoto possui poucos amigos e lida diariamente com os sintomas da depressão. Entretanto, observa-se que, oposto a obra cinematográfica, na sociedade contemporânea brasileira ocorre um descaso em relação à leitura concomitante com a incapacidade de se viver sem algum tipo de tecnologia. Sendo assim, como se faz possível o incentivo da leitura na era digital?
A priori, é notória a ausência do interesse dos jovens no que se refere ao ato da leitura. Isso porque, como afirma Zygmunt Bauman vivemos no período denominado modernidade líquida, definido principalmente pelo conceito da agilidade, de que nada foi feito para durar. Dessa forma, a fim de adquirir conhecimento e divertimento mais rápido, se opta por procurar resumos em oposição a passar dias lendo, consequentemente ocorre a redução do hábito de ler e a supervalorização de meios que não ofertam uma atividade reflexiva e de grande aprendizado. Evidenciando assim, a falta de compromisso que a juventude tem com os livros.
Dessa maneira, torna-se inegável a intrínseca relação entre a leitura e a educação, de modo que o abandono do hábito de ler afeta diretamente o ensino brasileiro. Sob esse viés Mario Quintana destaca o fato de os verdadeiros analfabetos são os que aprendem a ler e não lêem, ou seja, saber ler e não exercer essa função é estar a mercê de aprender uma linguagem errônea, através da principalmente da internet, na qual são poucos os que usam a norma padrão, tornando a população propensa ao erro e mostrando leitura como prioridade na formação linguística. Logo, essa problemática atribui maior dificuldade ao trabalho dos educadores, de forma que se fará necessário desmistificar confusões na escrita dos alunos, que são consideradas corretas por estes.
Portanto, faz-se imprescindível que a família, meio importante para educação, priorize a leitura na vida dos mais novos, demonstrando os valores perdidos com a negligência na leitura. Paralelamente o Ministério da Educação deve facilitar o acesso dos alunos aos livros, de forma que estudantes de todas as idades possam usufruir dos benefícios de ler. Somente assim, a sociedade tornar-se-a um ambiente no qual pessoas possam encontrar na leitura a felicidade, assim como Charlie.


obrigada pra quem corrigir :D :D
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Obrigado, se possível, corrija a minha do E[…]

@eurodrigo poderia dar uma olhada?

Correção flash • Modelo ENEM […]

Correção flash • Modelo ENEM […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM