Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
Avatar do usuário
Por nayc
#55957
A preocupação humana sempre fora vista em vários pontos intrínsecos da história. E com a propagação da pandemia- por um vírus mortal- não houve outra escolha, a não ser, referente à urgência de distanciamento social. Algo que diminuía os contágios, mas em sua maioria, a população brasileira necessita de uma renda. Afinal, famílias têm apuros financeiros e a emergência nacional fora nítida, embora alguns não reconheçam e se desloquem às festas ilegais que ocorrem nas metrópoles e em cidades, cujo número de casos, se intesfica corriqueiramente.
As manchetes dos jornais e navegadores possuem destaque na situação mundial. Mortes, vacinas, fome, hospitais lotados. Eis as questões discutidas em meados de 2020/2021. E tais clímax são nítidos e de suma importância, pois cuidar e prevenir não é exagero. E por isso, rês grupos de pessoas durante a infestação do Corona Vírus, devem ser apresentados: pessoas que encaram o mundo infectado, apenas com as formas de prevenção e aflição a esse vírus; os privilegiados com condição financeira sólida, sem necessidades e alarmados com a situação do país; indivíduos sem noção do perigo, festeiros e contaminadores.
Embora muitos denotem a solidariedade e descobrimento de talentos ocultos em meio à essa terrível pandemia, a falta de análise em relação aos grupos sociais, implica à sociedade, como um todo. Há desregulação da economia, mortes e ausência de humanidade no terceiro grupo apresentado anteriormente.
Não haverá melhoras se a união estiver quase extinta em situações complexas. Deste modo, apenas haverá a diminuição dos casos de Covid-19, se a humanidade prevalecer ativa neste mundo. Aqueles que têm a oportunidade de trabalhar por Home Office, trabalhem, se reedescubram, busquem passatempos produtivos e saudáveis. Pessoas que necessitam sair e enfrentar a vida lá fora, almejam por apoio dos chefes, proteção e respeito. Se os investimentos estivessem assegurados, pessoas com risco em casa e união verdadeira, a humanidade conseguiria estabilizar os números de mortes em decorrência do vírus. Mas, infelizmente, ainda há pessoas que não enxergam a necessidade dos cuidados nestes tempos. Brigam, festejam, levam a doença aos inocentes, ao invés, de participar com solidariedade e abraçar a humanidade.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Desigualdade social

A Constituição Federal de 1988, docu[…]

A franquia estadunidense de filmes "Star Wars[…]

Precipitada e inconsistente. Isso é o que d[…]

De acordo com o IBGE(instituto brasileiro de geogr[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM