• Avatar do usuário
#83365
:D A constituição federal de 1988, documento juridico mais importante do país, define em seu parágrafo sexto o direito á cidadania como inerente á todo cidadão Brasileiro. No entanto, tal prerrogativa não tem ênfase na prática, quando diante da dificuldade em combater a invisibilidade e garantir o acesso igualitário á cidadania no Brasil. Logo, medidas interventivas, que amenizem tal problemática, tornam-se necessárias.

Em primeira análise, cabe ressaltar a irresponsabilidade governamental como impulsionador do problema, uma vez que é ineficiente em assegurar direitos fundamentais, como o exercício da cidadania para todos os cidadãos. Segundo o filósofo contratualista John Locke, o estado vive um contrato social com os cidadãos, onde o segundo abre mãos da sua plena liberdade e submete-se ás normas e leis estabelecidas pelo primeiro, em troca de direitos fundamentais para o seu desenvolvimento. Logo, fica explícito que o estado viola esse contrato, ao não tomar medidas que democratizem o exercício da cidadania.

Ademais, cabe ressaltar a desigualdade de acesso a informação no Brasil, que dificulta a conscientização da população brasileira acerca dos seus direitos, como impulsionador desse problema. Segundo uma pesquisa realizada pelo instituto brasileiro de geografia e estatística em 2015, o número de pessoas sem registro no nordeste, região mais carente do país, é quatro vezes maior que na região centro-oeste. Logo, fica clara a necessidade de mudanças que alcancem a democratização do acesso a informação no país.

Portanto, para que o problema não perdure para as próximas gerações, mudanças tornam-se necessárias. Depreende-se portanto, que o ministério da educação, por meio de palestras expositivas e interativas no ambiente escolar, concientizem os responsáveis familiares e alunos acerca da importância em se registrar para garantia de direitos fundamentais. Só assim, o contrato social entre estado e cidadão, será respeitado.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 187

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente, a partir de um repertório sociocultural produtivo e apresenta excelente domínio do texto dissertativo-argumentativo, ou seja, em seu texto, o tema é desenvolvido de modo consistente e autoral, por meio do acesso a outras áreas do conhecimento, com progressão fluente e articulada ao projeto do texto.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 187

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema proposto, de forma consistente e organizada, configurando autoria, ou seja, os argumentos selecionados estão organizados e relacionados de forma consistente com o ponto de vista defendido e com o tema proposto, configurando-se independência de pensamento e autoria.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 187

Você atingiu aproximadamente 100% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula bem as ideias, os argumentos, as partes do texto e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos, sem inadequações.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 147

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

Nos dias atuais pelo menos no Brasil, o háb[…]

Segundo dados estatísticos do IBGE, idosos […]

Evasão escolar

Olá! Li sua redação e ela f[…]

Redação- invisibilidade e registro c[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM