Avatar do usuário
Por revia
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#113128
Na década de 50, o mundo conheceu um dos fenômenos mais relevantes para a história recente: o surgimento da inteligência artificial, composta por algoritmos capazes de facilitar a vida da população. Entretanto, com o avanço da Inteligência Artificial os crimes cibernéticos aumentaram se mostrando contrário à revolução iniciada no meado do século passado. Com efeito, diante da discussão acerca da AI e seus reflexos em diversos setores da sociedade, há de se analisar a indiferença social e estatal.

Diante desse cenário, o expoente cientista Albert Einstein sugeriu a importância da evolução humana ao afirmar que uma mente que se expande não volta ao seu tamanho original. Todavia, a prevalência dos crimes cibernéticos evidencia que a mentalidade do brasileiro, ao contrário do que pregava Einstein, não se mostra expandida. Isso se comprova pelo fato de a falta de informação e atenção as pessoas caem mais rápido e fácil nos crimes da internet como pix premiado, propagadas enganosa e vendas de produtos inexistentes.

Ademais, Norberto Bobbio — filósofo italiano contemporâneo — afirma que as autoridades devem não apenas ofertar os benefícios da lei, mas também garantir que a população usufrua deles, na prática. Nesse sentido, a partir do raciocínio de Bobbio, o Estado precisa não apenas democratizar o acesso às transferências eletrônicas, mas também educar a população a usar a internet de forma responsável. Desse modo, enquanto a omissão estatal for a regra, os golpes cibernéticos continuarão como realidade.

Portanto, para garantir os benefícios advindos da revolução tecnológica, as escolas — responsáveis pela transformação social — devem estimular a população a solicitar melhorias em relação aos crimes, por meio de projetos pedagógicos, como ações comunitárias capazes de mobilizar o Estado e a sociedade. Essa iniciativa terá a finalidade de levar o Brasil a experimentar, de fato, a democratização das tecnologias de pagamento.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
82 Exibições
por Raissa45
0 Respostas 
60 Exibições
por Raissa45
0 Respostas 
111 Exibições
por Raissa45
0 Respostas 
1469 Exibições
por Jade05126827
0 Respostas 
207 Exibições
por Emersonxvx
0 Respostas 
141 Exibições
por DayanaDDay
0 Respostas 
395 Exibições
por Glaucyya
0 Respostas 
395 Exibições
por pliniopy
0 Respostas 
84 Exibições
por Reginaeduar
0 Respostas 
76 Exibições
por Marjolly

Oi, studymalus . A demanda por correç&otil[…]

Saúde Mental Redação

Oi, RaphoBrabo . Mantenho minha dica sobre desdob[…]

Manipulação Dados Redação

Oi, RaphoBrabo . A demanda por correç&otil[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM