Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
#51370
A revolta dos necessitados

O livro "A revolução do bichos", de George Orwell, retrata uma realidade vivida no Brasil e no mundo de forma fantasiosa. Na obra, os animais de uma granja rebelam-se contra seu dono e tomam posse da sua fazenda, após muitos anos sendo maltratados e recebendo pouquíssima comida. Fora da ficção, o livro revela as consequências do capitalismo sobre os mais vulneráveis por meio da necessidade alimentar. Contudo, no Brasil, tal empecilho antagoniza o previsto na Constituição Federal de 1988, demonstrando o descaso governamental sobre o assunto. Dessa forma, faz-se necessário discutir essa problemática.

É preciso considerar, primeiramente, as diversas causas da falta de alimento no País. A falta de emprego, muitos filhos, clima desfavorável para o plantio são alguns exemplos que causam insegurança alimentar. Coincidentemente, esses transtornos compactuam diretamente com a realidade de muitos nordestinos. Conforme o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), estudos realizados entre 2017 e 2018 revelaram que metade dos famintos no Brasil, excluindo moradores de rua, são nordestinos.

Outrossim, as consequências da falta de alimento não se limitam apenas à fome, visto que, sem uma fonte de energia, as crianças têm o rendimento escolar afetado. Com o aprendizado comprometido, elas abandonam a escola para trabalhar na lavoura, condenando-se a viver nas mesmas condições de necessidade a vida inteira. A continuidade desse problema impacta agressivamente, também, a economia do País, dado que além do benefício socioeconômico, esses indivíduos geralmente não possuem condições de arcar com os impostos, gerando ainda mais prejuízo ao governo.

Diante dos fatos mencionados, é mister que medidas são necessárias para resolver o impasse. Sendo assim, o Ministério da Economia juntamente, com a Organização das Nações Unidas (ONU), deverão não só fornecer alimento, mas também investir no futuro profissional dos mais vulneráveis, criando um projeto intitulado Investindo na educação, que deverá ser posto em prática por meio de dinheiro público e das doações feitas à ONU com o objetivo de erradicar a fome no Brasil apostando no futuro e melhorando o presente. Com isso, busca-se democratizar a alimentação no Brasil, para que a revolução de George Orwell não seja necessária.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

A constituição federal de 1988, em s[…]

“A lei de ouro do comportamento é a t[…]

GlendaMorais O cantor Cazuza morreu novo, no a[…]

Macana pvictor20 Por favor, se puder dar uma […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM