• Avatar do usuário
#63142
Em provérbios 28:15, há o seguinte ensinamento: "como um leão que ruge ou um urso feroz e o ímpio que governa um povo necessitado". Depreende-se, portanto, que um bom governante adota a necessidade da população como prioridade em suas decisões políticas. Conquanto, tal prerrogativa não tem se reverberado na realidade brasileira quando se observa a falta de acesso a serviços públicos, Sendo isso, resultado de uma súcia de políticos, juntamente a descontinuidade administrativa de projetos. Diante disso, faz-se imperiosa a análise dos fatores que contribuem com esse quadro.
Sobretudo, deve-se ressaltar a ausência de medidas governamentais para oferecer serviços públicos essenciais à população, o que resulta uma maior desigualdade socioeconômica no Brasil. Essa conjuntura, segundo as ideias do filósofo contratualista John Locke, configura-se como uma violação do "contrato social", uma vez que o estado não cumpre sua função de garantir direitos indispensáveis à sociedade, o que infelizmente é evidente no país.
Bem como, é fundamental apontar a descontinuidade de programas econômicos e sociais como impulsionadora da carência de serviços públicos. Sendo isso, portanto, consequência da intensa polarização no atual cenário político brasileiro, já que, quando um determinado projeto não possui um viés político, o mesmo tem mais chances de continuidade. Segundo Max Planck, físico considerado criador da física quântica, "o ego é ditador imediato da consciência humana". Diante de tal exposto, observa-se que o desejo de provar estar no lado certo pode afetar profundamente as decisões políticas do país. Logo, é inadmissível que esse cenário continue a perdurar.
Conclui-se, deste modo, a necessidade de se combater esses obstáculos. Para isso, é fundamental que o estado, por meio de Parcerias Público-Privadas, alcance maior quantidade de serviços disponíveis para a parcela mais vulnerável da sociedade, de modo que essa parcela consiga usufruir de serviços básicos, como saúde, educação e transporte, gratuitamente. A fim de que se estabeleça maior homogeneidade socioeconômica no Brasil. Junto a isso, é importante que o senso político da sociedade brasileira seja remodelado no sentido de visar cada vez menos a concorrência partidária, e assim, dar prioridade a projetos governamentais e principalmente, a continuidade de projetos estabelecidos por governos anteriores que apresentam bons resultados à população.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Desemprego. Falência. Fome. Estas palavras d[…]

A constituição Federal de 1988,docum[…]

No Brasil, cerca de 14 (quatorze) milhões d[…]

No Brasil, cerca de 14 (quatorze) milhões d[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM