Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como: "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
Avatar do usuário
Por ThayOliveira
#37587
Em meados do século XX, o escritor austríaco Stefan Zweig mudou-se para o Brasil devido à perseguição nazista na Europa. Bem recebido e impressionado com o potencial da nova casa, Zweig escreveu um livro ufanista cujo título é até hoje repetido: “Brasil, país do futuro”. Entretanto, quando se observa a presente questão da água em escassez, percebe-se que a realidade contemporânea é o oposto da profecia. Dessa maneira, a problemática se desenvolve não só devido ao baixo desempenho dos setores governamentais, mas também a aumento do consumo de água. Diante disso, torna-se fundamental a discussão desses aspectos, a fim do pleno funcionamento da sociedade.

Primeiramente, é imprescindível pontuar que pela Constituição Federal de 1988, cabe aos governos estaduais a missão de gerir e administrar a captação e distribuição de água, embora o governo federal também precise atuar por intermédio do fornecimento de verbas públicas e obras interestaduais. Nesse sentido, alguns governos, por questões administrativas ou até políticas, podem apresentar algumas falhas, principalmente no que se refere ao planejamento no manejo dos recursos hídricos.

Além disso, é contundente ressaltar que o aumento do consumo de água também pode ser apontado como promotor do problema. De acordo com a Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), o uso da água deverá crescer 24% até 2030, superando a marca de 2,5 milhões de litros por segundo. Partindo desse pressuposto, percebe-se que o crescimento populacional, industrial e da agricultura é o principal fator na demanda crescente por recursos hídricos.

Portanto, medidas exequíveis são necessárias para conter o avanço da problemática na sociedade brasileira. Para tanto, necessita-se, urgentemente, que o Tribunal de Contas da União direcione capital que, por intermédio do Ministério do Meio Ambiente, será revertido em pesquisa, projetos e campanhas sociais através da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico e dos veículos de comunicação, com o objetivo de amenizar e conscientizar, em médio a longo prazo, o impacto nocivo da escassez da água. Assim espera-se que a profecia de Zweig seja solidificada no Brasil.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

*Perdoem o erro "afim" ao invés d[…]

vcs poderiam corrigir?

Tendo em vista a atual situação de f[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM