Avatar do usuário
Por Sabina
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#123974
A Constituição Federal de 1988, prevê o direito à saúde para todos. No entanto, essa não é uma realidade da população idosa, uma vez que eles não têm um envelhecimento saudável. Nessa expectativa, note-se que há barreiras que impede o envelhecimento saudável dos idosos. Sob esse aspecto, dois fatores não podem ser negligenciados: o abandono familiar e falta de políticas públicas.

Em primeira análise, é importante ressaltar que o abandono familiar impede o bem-estar da população idosa. Isso, acontece porque, as famílias não dão os devidos cuidados com os idosos, não só com a saúde mas também com o convívio social com as outras pessoas. Nesse contexto, segundo a organização mundial da saúde (OMS), a Saúde é o estado de completo de bem-estar físico, mental e social e não somente a ausência de doença. Sendo assim, é evidente que o abandono familiar faz com que a população idosa sejam isolados da vida social, o que pode provocar danos emocional e desenvolvimento de outras doenças.

Ademais, vale destacar que a falta de políticas públicas impede o envelhecimento saudável. À vista disso, os idosos não têm autonomia dentro da sociedade, na maioria das vezes os seus direitos são negados. Nesse sentido, de acordo com o filósofo Platão, o importante não é viver, mas viver bem. Desse modo, fica claro que a falta de políticas públicas faz com que a população idosa não tenha seus direitos garantidos e autonomia nas suas escolhas pessoais contribuindo para as desigualdades sociais e violência contra os idosos.

Portanto, medidas são necessárias para garantir o bem-estar da população idosa. Para isso, o Ministério dos Direitos Humanos deve promover campanha sobre a importância dos cidadãos familiares com os idosos, por meios de comunicação, como na Internet, na televisão e no rádio, a fim de diminuir o abandono familiar. Em acréscimo, cabe o Ministério dos Direitos Humanos em parceria com Governo Federal, deve deve investir em políticas públicas através verbas governamentais com a finalidade de garantir os direitos que primordial para desenvolvimento social.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
4 Respostas 
622 Exibições
por Sabina
0 Respostas 
443 Exibições
por BiahNalio
0 Respostas 
329 Exibições
por lHudsonl
0 Respostas 
94 Exibições
por Vitoriasm
0 Respostas 
95 Exibições
por LucasCintra
0 Respostas 
119 Exibições
por joanasouza
0 Respostas 
75 Exibições
por AnnaJBVB
Percepção sobre bem-estar e felicidade
por Marcos77    - In: Outros temas
0 Respostas 
80 Exibições
por Marcos77
0 Respostas 
82 Exibições
por marianabez
2 Respostas 
115 Exibições
por vicotira
Descaso de uma sociedade

Des de muito tempo, poucas pessoas da sociedade t&[…]

É certo que a tecnologia já faz part[…]

No Brasil a prática da automedicaç&a[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM