Por Daibarbosa04
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#83243
Em "Rainha Vermelha", uma fantasia de Victoria Aveyard, a personagem Mare destrói os registros que o governo possuía dos Sanguenovos, raça perseguida no universo literário, para que eles não fossem encontrados. Embora seja uma obra ficcional, o livro apresenta características do atual cenário brasileiro, pois, assim como na obra, a ausência de registros civis é uma realidade e invisibiliza os indivíduos, impedindo o acesso à cidadania. Desse modo é preciso debater acerca dessa problemática, tendo em vista fatores como a negligência estatal e a passividade social.
Cabe analisar, em primeiro plano, o dever do Estado sob a perspectiva do filósofo contratualista Thomas Hobbes. Segundo o autor, o bem-estar social é uma responsabilidade do Estado. Nesse contexto, a pouca importância dada pelo Governo ao grande número de pessoas sem documento de identificação representa o descumprimento dessa responsabilidade, visto que sem documentos a população perde o acesso a direitos básicos. Verifica-se, portanto, a necessidade de uma nova postura do Estado.
Ademais, é possível ressaltar que, conforme a escritora Simone de Beauvoir, o maior dos escândalos é aquele que nos habituamos a ele. Nessa premissa, a existência de pessoas sem registro civil é um desses escândalos denunciados pela autora. Isso ocorre, uma vez que essa situação foi normalizada pela sociedade, não existindo movimentos contra ela. Dessa maneira, torna-se imprescindível uma mudança do pensamento social.
Assim, faz-se necessário buscar formas de mudar essa realidade. Logo, a fim de garantir que o acesso à cidadania seja ofertado a todos, cabe ao Ministério da Cidadania - responsável pelas políticas de desenvolvimento social, por meio de programas de inclusão social, encontrar essas pessoas sem registro e inseri-las na sociedade. Além disso, cabe à população cobrar tais medidas. Dessa forma, o acesso à cidadania poderá ser garantido a todos.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

"O mais escandaloso dos escândalos &eac[…]

Redação ENEM 2021

Na obra utopia do escritor inglês Thomas Mor[…]

"O mais escandaloso dos escândalos &eac[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM