Avatar do usuário
Por Ivel
Tempo de Registro Quantidade de postagens
#108235
⠀⠀Sabe-se que boa parte dos brasileiros enfrentam problemas com dinheiro, sendo por dívidas no cartão de crédito; alienação fiduciária; etc. Dadas do Serasa (Setembro de 2022) mostram que 31,3% dos brasileiros entre 31 e 40 estavam inadimplentes, com isso, vê-se necessário analisar o que leva as pessoas a se endividarem e, por fim, a importância da educação financeira como método para amenizar, ou até mesmo, reverter essa situação.
⠀⠀Inicialmente, ao avaliar as principais causas que levam os indivíduos a ficarem em más condições financeiras, nota-se que a falta de noção com o que se ganha é protagonista, visto que, quando uma pessoa não cuida das entradas e saídas de dinheiro; gastando mais do que se tem e vivendo de modo que sua conta bancária não suporta; o leva a empréstimos e altas dívidas, o que por fim vai acumulando e só aumentando, o deixando inadiplente e consequentemente sem qualquer chance de crédito.
⠀⠀Ademais, quando se observa a educação financeira, percebe-se que ela é capaz de evitar o endividamento e maus investimentos, uma vez que a base dela é o planejamento. Quando se planeja o futuro do seu dinheiro de maneira coerente e objetiva, as chances de se endividar diminuem bastante. Quando é ensinado como cuidar do seu dinheiro, a jovens, eles se tornam adultos conscientes com as próprias economias, fazendo com que eles não usem cartões de crédito, não comprem a prazo e, consequentemente, não contraiam dívidas.
⠀⠀Conclui-se que a educação financeira é imprescindível no dia a dia dos jovens, portanto, tem-se como necessário que o Governo Federal, por meio do Ministério da Educação, adote na grade curricular do ensino fundamental de todas as escolas públicas do País a matéria de Educação Financeira para que, no futuro, haja cada vez mais adultos conscientes com as finanças e, por fim, menos pessoas inadimplentes e endividadas.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 1, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante demonstra bom domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa e de escolha de registro, com poucos desvios gramaticais e de convenções da escrita, ou seja, apresenta um texto com boa estrutura sintática, com poucos desvios de pontuação, de grafia e de emprego do registro exigido.

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 2, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante desenvolve o tema por meio de argumentação consistente e apresenta bom domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. Embora ainda possa apresentar alguns problemas no desenvolvimento das ideias, o tema, em seu texto, é bem desenvolvido, com indícios de autoria e certa distância do senso comum demonstrando bom domínio do tipo textual exigido.

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: 120

Você atingiu aproximadamente 60% da pontuação prevista para a Competência 3, atendendo aos critérios definidos a seguir. Em defesa de um ponto de vista, o texto apresenta informações, fatos e opiniões relacionados ao tema, mas limitados aos argumentos dos textos motivadores e pouco organizados, ou seja, os argumentos estão pouco articulados, além de relacionados de forma pouco consistente ao ponto de vista defendido.

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 4, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante articula as partes do texto com poucas inadequações e apresenta repertório diversificado de recursos coesivos.

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: 160

Você atingiu aproximadamente 80% da pontuação prevista para a Competência 5, atendendo aos critérios definidos a seguir. O participante elabora bem proposta de intervenção relacionada ao tema, decorrente da discussão desenvolvida no texto, articulada e abrangente, ainda que sem suficiente detalhamento.

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
Meios para combater o endividamento no Brasil
por lica02    - In: Outros temas
0 Respostas 
122 Exibições
por lica02
O Endividamento da População Brasileira
por robson2003b    - In: Outros temas
4 Respostas 
227 Exibições
por robson2003b
0 Respostas 
126 Exibições
por acfurlan
0 Respostas 
361 Exibições
por Mariv0
A importância da Educação Financeira
por Giuliaa1    - In: Outros temas
0 Respostas 
30 Exibições
por Giuliaa1
A importância da Educação Financeira
por Giuliaa1    - In: Outros temas
2 Respostas 
95 Exibições
por Giuliaa1
0 Respostas 
92 Exibições
por ericks
A importância da Educação financeira no Brasil
por Goetz    - In: Outros temas
0 Respostas 
43 Exibições
por Goetz
0 Respostas 
51 Exibições
por anasouza14
0 Respostas 
77 Exibições
por dudanx

Aldous Huxley defende: "Os fatos nã[…]

Segundo o Art.205 da Constituição Fe[…]

Zenebra vc poderia corrigir minha redaç&[…]

:D Olá, poderia de fazer um sugestã[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM