Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação mais de uma vez = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos de "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
Por rachmaninoff
#50392
O empreendedorismo social é uma forma de empreender que não foca unicamente no lucro financeiro, mas que também busca promover a qualidade de vida das pessoas envolvidas por meio da resolução de problemas sociais que as envolvam. Atualmente, ele pode ser visto como uma forma inovadora de combate à pobreza e de transformação social, devendo ser incentivado para ajudar a resolver os problemas da sociedade.

Em primeiro lugar, vale ressaltar que, segundo o jornal “O Globo”, nos últimos dez anos, houve um grande aumento no número de negócios de impacto social no Brasil e no mundo. Uma parte da geração de pessoas trabalhadoras de hoje, conhecida como “millennials”, também foca muito mais suas preferências de emprego em empresas que estejam preocupadas com questões sociais e se movam em prol delas, almejando também crescimento pessoal e profissional. Dessa forma, percebe-se que tal empreendedorismo contribui bastante para a questão de desenvolvimento social, melhorando a qualidade de vida das pessoas.

Outrossim, o empreendedorismo social também se move a favor da geração de mais empregos, o que termina por dar mais oportunidades à população economicamente ativa e, consequentemente, melhora a condição de vida das pessoas de classes menos favorecidas. Como pode ser visto no filme “O menino que descobriu o vento”, o protagonista utiliza-se dessa forma de empreender e consegue transformar para melhor o seu cenário social, afetando tanto sua família quanto o restante da região.

Fica evidente, portanto, que tal empreendedorismo é essencial na ajuda ao combate de problemas sociais. Com isso, é preciso que o Ministério da Economia, juntamente a empresas privadas, estimule a criação de pequenos negócios entre as classes sociais menos favorecidas por meio de incentivos fiscais e benefícios. Além disso, faz-se necessário que também haja campanhas de valorização ao empreendedorismo social nas escolas promovidas pelo Ministério da Educação, as quais ajudariam os jovens a desde cedo entender tal sistema e futuramente fazendo-os entrar nesse ramo.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

acho que na C4 vou ficar com uns 160, na C5 talvez[…]

luizhsn , só segunda,marque-me novamente

A constituição de 1988 documento jur[…]

A Constituição Federal, promulgada e[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM