Página 1 de 1

Educação Tóxica

Enviado: 13 Jul 2020 18:26
por renata220418
Educação Tóxica
Na obra Utopia, do escritor inglês Thomas More, é retratada uma sociedade perfeita livre de conflitos e problemas. Entretanto, a realidade contemporânea é, justamente, o oposto, tendo em vista os entraves proporcionados pelas transmissões de princípios e valores à uma criança. Tal fato é responsável pela má formação dos pequeninos no tocante construção de caráter, e também, pela inércia das instituições educacionais no que se refere medidas para consolidar este empecilho.
Em primeira análise, destaca-se a forma em que pais e responsáveis estão ¨moldando¨ seus filhos ou enteados, como promotor principal do impasse. Segundo o piloto Ayrton Senna, as crianças devem ser educadas de forma correta para que o futuro das nações seja digno. Isso porém não se faz presente no Brasil,visto que diante de uma sociedade altamente egocêntrica, os juvenis estão sendo expostos a ambientes tóxicos, onde a falta de moralidade e respeito ao próximo são constantes e caóticos. Diante disso, os menores tendem a adquirir tais princípios, haja vista que a criança se torna aquilo que viu ou ouviu. Um exemplo prático se faz presente em variados filmes, onde os pequenos que continham pais agressivos eram rotulados como valentões, já que seguia o exemplo de seus pais.
De outra parte, é fulcral pontuar a inércia dos setores educacionais como impulsivador da problemática. Segundo Ruben Alves, as escolas podem ser comparadas com asas ou gaiolas, haja visto que as mesma podem proporcionar voos ou condições de alineação. Nesse sentido, a falta de orientações psicopedagógicas no que se refere transmissão de valores essenciais, como respeito ao próximo e honestidade, contribui para o aumento de crianças mal educadas e mimadas. Dessa forma, enquanto escolas representarem gaiolas, o Brasil será obrigado a conviver com uns dos principais empecilhos do século XXI em contexto infantil.
Tendo em vista os aspectos mencionados, fica evidente o quão tóxico está sendo a forma de educar crianças em variados ambiente. Faz-se necessário, portanto, que o Ministério da Educação, como instância máxima dos aspectos educacionais, adote medidas psicopedagógicas, por meio de palestras socioeducativas para pais e responsáveis a fim de alerta-los sobre como educar seus filhos. Assim como, o mesmo direcione capitais para instituições escolares para a contratação de profissionais dignos a ensinarem e transmitir valores importantes para a construção de caráter. Só assim alcançaremos a Utopia de More.