Avatar do usuário
Por emyii
Quantidade de postagens
#114918
A esposa de Heinz estava à beira da morte. E sua única esperança era um remédio que tinha sido descoberto por um farmacêutico que o estava vendendo por um preço elevado. O custo de produzir o remédio era apenas 200 dólares. O farmacêutico estava vendendo por 2 mil dólares. Heinz poderia levantar apenas a metade desse valor. O farmacêutico disse que a metade do valor não era o suficiente. Quando Heinz prometeu pagar a outra metade mais tarde o farmacêutico ainda assim recusou. Desesperadamente Heinz considerou a possibilidade de roubar o remédio. Seria isso certo ou errado?
Como um utilitarista responderia o dilema de Heinz?
Certamente um utilitarista adota condutas que devem promover felicidade ou um prazer coletivo, um utilitarista responderia a questão de Heinz de tal meneira: roube o remédio pois o farmacêutico recuperará o dinheiro mais tarde, mas sua esposa nunca recuperaria sua vida novamente.

Uma pessoa que advoga a ética do cuidado responderia que poderiam haver outras maneiras além do roubo, como por exemplo se pudesse pedir o dinheiro ou fazer um empréstimo, mas ele não devia roubar o medicamento. Mas a mulher dele também não deveria morrer... Se ele roubasse o medicamento, poderia salvar a mulher, mas se roubasse, podia ir para a cadeia e, então, a sua mulher podia piorar outra vez, e ele já não podia arranjar mais medicamentos, Por isso, eles deviam realmente conversar e descobrir outra maneira de arranjar o dinheiro além do roubo.
um ponto positivo do utilitarismo é que vai causar felicidade ao maior número de pessoas, por outro lado causará infelicidade em uma pessoa apenas.
já na ética do cuidado positivamente a esposa de Heinz vivera, porém em outro caso Heinz pode ser preso.
em minha opinião Heinz deveria sim roubar o medicamento e salvar sua mulher da doença que tem, mesmo estando fazendo algo que não está Certamente correto.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
0 Respostas 
159 Exibições
por Grasiellyfx
0 Respostas 
202 Exibições
por Nono
Dilema da doação de órgãos no Brasil
por duraesduda18    - In: Outros temas
0 Respostas 
79 Exibições
por duraesduda18
O dilema da doação de órgãos no Brasil
por babimx    - In: Outros temas
0 Respostas 
91 Exibições
por babimx
O Dilema da doação de órgãos no Brasil
por babimx    - In: Outros temas
0 Respostas 
50 Exibições
por babimx

"O saber fornece meios para alterar o pan[…]

JoaoPedro72 Wesley529 Ana20rosa isas522 […]

A declaração Universal dos direitos […]

O Artigo 5°. da Constituição fed[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM