Avatar do usuário
Por Kaue56y
Quantidade de postagens
#130783
Zygumunt batman defende "Que não são as crises que mudam o mundo, e sim nossa reação a elas". No entanto, não é possível verificar uma reação interventiva na situação em que os idosos contemporâneos se encontram, na qual precisam ultrapassar mais barreiras nessa fase da vida. Então deve-se traçar estratégias a partir da atuação nas causas do problema: a falta de representatividade e o preconceito de uma sociedade, na qual valoriza a aparência e jovialidade acima de tudo.
Dessa forma, em primeira análise, a lacuna de apoio na qual os idosos podem se sentir representados é um desafio pertinente ao problema. Para Rupi Kaur "A representatividade é vital". Porém há um hiato absurdo na representação de idosos modernos, visto que, pela ausência de representação de idosos que não sejam esteorotipados na mídia e outras esferas midiáticas, faz com que idosos sintam que estão no final de suas vidas e não são tão úteis a sociedade que diferente dos jovens não estão mais inovando e tendo grande disposição física para lidar com a apertada agenda da vida moderna. Assim, é preciso que a representatividade seja vista com algo vital.
Em paralelo, a ignorância das massas é um entrave no que tange o problema. Chimamamde Adichie defende que "A cultura não faz as pessoas; as pessoas fazem a cultura". Tal perspectiva aponta para a responsabilidade individual de mudar o pensamento coletivo sobre o papel de idosos na era contemporânea, visto que a ignorância é anterior e causa de todos os males, quando idosos são vistos apenas como "indivíduos que passaram da validade" esse pensamento enraizado na sociedade pode contribuir para a exclusão de idosos nas áreas sociais, inclusive familiar, também são impedidos de trabalharem se assim desejarem, são colocados em escanteio, muitos são negligenciados ou esquecidos o que muitas das vezes pode explicar a alta taxa de depressão e suicídio nessa população. Assim, é preciso suscitar a ação individual para a construção social desejada.
Para isso, a mídia de massa deve criar um programa, por meio de entrevistas com especialistas no assunto, a fim de atualizar a mentalidade social sobre os idosos modernos. Tal ação pode ainda, ser divulgada por grandes perfis do Instagram para atingir mais pessoas. Paralelamente é preciso intervir sobre o preconceito social presente no problema.
Dessa forma, será possível lidar com esse assunto crítico e atual da melhor maneira como defendeu Bauman.
NOTA GERAL (USUÁRIOS)
Sem
nota
Pontuar redação
NOTA AUTOMÁTICA (IA)
Sem
nota
Passe ilimitado
Comentários
Texto não corrigido.
COMPETÊNCIA 1: Demonstrar domínio da norma da língua escrita.
Texto não corrigido.
COMPETÊNCIA 2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.
Texto não corrigido.
COMPETÊNCIA 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
Texto não corrigido.
COMPETÊNCIA 4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.
Texto não corrigido.
COMPETÊNCIA 5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.
Texto não corrigido.
Avatar do usuário
Por Kaue56y
Quantidade de postagens
#130801
Quem puder corrigir, muito obrigado, é minha primeira redação apenas como exercício
0
Avatar do usuário
Por thewallflwr
Quantidade de postagens Amigos
#130880
OI KAUE, TUDO BEM?
Kaue56y escreveu:Zygumunt batman defende "Que não são as crises que mudam o mundo, e sim nossa reação a elas". melhor usar uma citação indireta, ao inserir essa diretamente (entre aspas) você perdeu algumas linhas de autoria. Não tem problema citar Buaman com as palavras dele, mas tente tornar impessoal No entanto, não é possível verificar uma reação interventiva na situação em que os idosos contemporâneos se encontram, na qual precisam ultrapassar mais barreiras nessa fase da vida. Então deve-se traçar deixemos dentro dos padrões da norma culta → Logo, devem ser traçadas estratégias a partir da atuação nas causas do problema: a falta de representatividade e o preconceito de uma sociedade, na qual valoriza a aparência e jovialidade acima de tudo.
CONECTIVO ERRADO Dessa forma, Em primeira análise, a lacuna de apoio na qual os idosos podem se sentir representados é um desafio pertinente ao problema. Para Rupi Kaur "A representatividade é vital". Porém há um hiato absurdo na representação de idosos modernos, visto que, pela ausência de representação de idosos que não sejam estereotipados na mídia e outras esferas midiáticas, faz com que idosos sintam que estão no final de suas vidas e não são tão úteis a sociedade que diferente dos jovens não estão mais inovando e tendo grande disposição física para lidar com a apertada agenda da vida moderna. Assim, é preciso que a representatividade seja vista com algo vital.
Em paralelo, a ignorância das massas é um entrave no que tange o problema. Chimamamde Adichie defende que "A cultura não faz as pessoas; as pessoas fazem a cultura". Tal perspectiva aponta para a responsabilidade individual de mudar o pensamento coletivo sobre o papel de idosos na era contemporânea, visto que a ignorância é anterior e causa de todos os males, quando idosos são vistos apenas como "indivíduos que passaram da validade" esse pensamento enraizado na sociedade pode contribuir para a exclusão de idosos nas áreas sociais, inclusive familiar, também são impedidos de trabalharem se assim desejarem, são colocados em escanteio, muitos são negligenciados ou esquecidos o que muitas das vezes pode explicar a alta taxa de depressão e suicídio nessa população. Assim, é preciso suscitar a ação individual para a construção social desejada.
Para isso, a mídia de massa deve criar um programa, por meio de entrevistas com especialistas no assunto, a fim de atualizar a mentalidade social sobre os idosos modernos. Tal ação pode ainda, ser divulgada por grandes perfis do Instagram para atingir mais pessoas. Paralelamente é preciso intervir sobre o preconceito social presente no problema.Como se intervém o preconceito?
SUA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO DEVE SER UMA AÇÃO DIRETA, NÃO "SUGIRA" O QUE A MÍDIA PODE FAZER, BRINQUE DE REI, DÊ ORDENS DIRETAS. (A MÍDIA E DEMAIS VEÍCULOS DE COMUNICAÇÕES DEVEM PROMOVER PROGRAMAS...)
Dessa forma, será possível lidar com esse assunto crítico e atual da melhor maneira como defendeu Bauman.


Pontos a conferir depois: Ortografia, citação indireta, construção da Proposta de intervenção.
Você entendeu o tema e tem um repertório bacana, não desista!
1
Similar Topics
Tópicos Estatísticas Última mensagem
2 Respostas 
173 Exibições
por LaviVitorio
0 Respostas 
240 Exibições
por sophialara2
0 Respostas 
123 Exibições
por Rslx
DESVALORIZAÇÃO DO IDOSO NA SOCIEDADE
por RayaneSC    - In: Outros temas
4 Respostas 
282 Exibições
por RayaneSC
0 Respostas 
153 Exibições
por Euiza15
0 Respostas 
101 Exibições
por Sali
0 Respostas 
226 Exibições
por raquel236329
0 Respostas 
95 Exibições
por ElaineSilv
0 Respostas 
44 Exibições
por alvaroxit33
0 Respostas 
472 Exibições
por linepsz

Segundo o empresário estadunidense Steve Jobs: &qu[…]

O livro "Utopia", do escritor inglês Tho[…]

A lei seca foi implementada com o intuito de evita[…]

EXCLUIR REDAÇÃO!!!

Você poderia excluir a minha primeira redação de &[…]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!