Envie sua redação para correção!
Regras do fórum: ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
🚫 Postar a mesma redação = ban (não avisarei mais) 🚫
🚫 Não coloque avisos como "corrijam minha redação" na parte do tema 🚫
  • Avatar do usuário
Avatar do usuário
Por Lara1909
#58328
Sob a perspectiva de Karl Marx a desigualdade social é causada pela divisão de classes. Onde a classe dominante tinha o meio de produção e o proletariado tinha a força de trabalho como garantia da sobrevivência. Tal cenário descrito vem se perpetuando no Brasil desde a chegada dos colonizadores. Com a chegada dos navios negreiros homens e mulheres foram forçados ao trabalho escravo assim acentuando a desigualdade e mais o fator cor.
Em primeira análise, é evidente que a herança antepassada ainda prossegue atualmente estando marcada nas diversas vítimas de racismo. Onde muitos dos mesmos não conseguem empregos por conta da inferiorização da branquitude. Crianças e adolescentes negros são constantemente constrangidos e agredidos nas instituições educacionais e nas ruas do Brasil que leva a um dos motivos da saída das escolas . De acordo com dados da Unicef de 2018 mostra que das 530 mil crianças fora das escolas são negras,o que reafirma a desigualdade entre brancos e negros.
Ademais é fundamental apontar a má distribuição de renda que desencadeia a discrepância na sociedade, logo se configurá o desemprego, a fome, o baixo acesso as escolas, a difícil entrada a universidades, entre outros. Essa conjura segundo as ideias do filósofo contratualista, John Locke, afirma-se como uma violação do "contrato social", já que os cidadões brasileiros não desfrutam dos direitos indispensável.Logo é indispensável que tal cenário continue a pendurar.
Portanto, o estado deve ampliar e auxiliar toda a população carente implantado medidas como a educação étnico-racial com a finalidade de levar o conhecimento de diferentes culturas as crianças tornando o ambiente escolar inclusivo e igualitário. Também a criações de projetos que possam levar alimento, água, saniamento básico, oportunidades melhores para famílias pobres seria outra solução para alcançar uma Nação igualitária onde o Estado cumpre com o contrato social.
Competência 1

Demonstrar domínio da norma da língua escrita.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 2

Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 3

Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 4

Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Competência 5

Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Sua nota nessa competência foi: Redação ainda não pontuada

Promugada pela ONU em 1948, a declaraç&atil[…]

Sua redação não encaixa corre[…]

O filósofo francês Sartre defende que[…]

"Só pro meu prazer..."

Obrigada Ashiley , ficarei mais atenta quanto as […]

Corrija seu texto agora mesmo, é de GRAÇA!

Novo aplicativo de correção gratuita para redação ENEM